Dead by Daylight: dicas para começar a jogar

Dead by Daylight: dicas para começar a jogar

Por Guilherme Sommadossi | Editado por Bruna Penilhas | 03 de Dezembro de 2021 às 10h53
Divulgação/Behaviour Interactive

Dead By Daylight é um multiplayer assimétrico, de quatro jogadores contra um, desenvolvido pela Behaviour Interactive. Lançado em 2016, o game tem atualizações constantes e recebe diversos personagens de filmes e séries de terror.

A premissa é bem simples. Jogando como sobrevivente, é preciso restaurar os geradores para abrir os portões e conseguir fugir. Como assassino, você precisará eliminar cada jogador e usá-los como oferenda à entidade. Para você que é um novato no game, o Canaltech separou as principais dicas para começar a jogar Dead By Daylight,que está disponível para dispositivos móveis com Android e iOS, PC, PlayStation 4, PlayStation 5, Nintendo Switch, Xbox One, Xbox Series X e Series S.

Jogando como Sobrevivente

Como dito antes, o objetivo dos quatro sobreviventes é fugir. Para isso, eles precisam consertar cinco geradores espalhados pelo mapa para dar energia aos dois portões de fuga.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Quanto mais pessoas fazem um mesmo gerador, mais rápido ele fica pronto (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Uma dica aqui é pelo menos um jogador do grupo tenha caixas de ferramentas, pois elas ajudam a reparar os geradores mais rapidamente. Não baixe a guarda enquanto faz isso. Fique movimentando a câmera para diferentes ângulos. Também combine com seu colega formas de ver todos os lados, caso o assassino apareça.

Para fazer isso sem ser morto pelo killer, é preciso fazer o mínimo de barulho e ser menos visível. Se agachar nos arbustos e atrás de pedras, se esconder em cantos escuros e armários espalhados pelo mapa (cuidado que há assassinos que precisam usar os armários para pegar armas) são formas de evitar o encontro.

É melhor vê-lo do que ser surpreendido (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Raio de Terror

Quando o inimigo se aproxima, o jogo faz o som do coração batendo. Quanto mais alto e mais acelerado, significa que ele está cada vez mais perto de você. Isso não significa que ele achou você, mas fuja de onde estiver da forma mais sútil possível.

Além disso, pode ser que alguns assassinos equipem uma habilidade que desativa o Raio de Terror — ou seja, você vai ser pego de surpresa. Por isso, é sempre importante que os sobreviventes fiquem de olho aos arredores.

Como fugir do assassino

Para saber se está no campo de visão dele, você será iluminado por uma luz vermelha. Nessa hora, não corra em linha reta, pois você será um alvo mais fácil. Corra em zig-zag, entre pedras e árvores e pule janelas para diminuir a chance de ser atingido. Sempre que puder, olhe para trás para ver o quão próximo o assassino está.

Corre, Berg! (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Além disso, você encontrará placas de madeira encostadas entre pedras e árvores, chamadas de barricadas (ou pallets). O sobrevivente pode pular sobre elas, enquanto o assassino precisa destruí-las ou dar a volta.

Mesmo derrubando as placas, continue correndo (Imagem: Divulgação/Behaviour Interactive)

Nem tudo é ruim durante uma perseguição em Dead by Daylight: enquanto o assassino estiver focado em correr atrás de você, seus colegas vão ter mais tempo para arrumar os geradores.

O que fazer quando for pego

Quando está sendo carregado, use os botões de se debater (sinalizados na tela). Caso esteja longe de um gancho, há chances de você conseguir se libertar e fugir. Agora, se você foi pendurado, não fique tentando sair do gancho — tente apenas em casos muito extremos, como por exemplo quando apenas dois sobreviventes estiverem vivos e não há chances do outro aliado resgatá-lo.

Por isso, é bom que você ou alguém do seu time tenha equipado oferendas que aumentam a sorte do grupo e, consequentemente, aprimoram as chances de um sobrevivente sair do gancho. Mesmo assim, as chances de sucesso são baixíssimas. E lembre-se, você só pode ser enganchado duas vezes. Na terceira, a morte é certa.

Os botões para se livrar variam e ainda podem ser configurados (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Resgatar os amigos

O time de sobreviventes não é composto por quatro pessoas à toa. Quando alguém é capturado, os outros precisam se organizar para resgatá-lo. Considerando que a pessoa acabou de ser pega e está nos ombros do inimigo, a forma de libertá-la é jogando a luz de lanterna na cara dele. Assim, o colega será solto.

Agora, se ele já está pendurado no gancho, é preciso tirá-lo de lá o quanto antes — se ele estiver no primeiro gancho e o resgate demorar, a vítima entrará no segundo gancho. Em momentos como este, garanta que o assassino não esteja por perto, para que nem você ou o colega enganchado sejam atingidos no momento do resgate.

Um problema é que, muitas vezes, você acabará encontrando killers que não saem perto dos sobreviventes enganchados, algo que é considerado uma prática injusta e muito chata. Caso isso aconteça, todos os aliados restantes terão que coordenar uma ação conjunta, em que dois tentam distrair o assassino, enquanto outro tenta tirar o colega do gancho. Nem sempre vai dar certo porque depende muito do comportamento do jogador adversário.

O personagem berra mais do que nunca nos ganchos (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Outra boa dica é sabotar ganchos. Tente prever qual deles o assassino vai usar — o momento certo para fazer isso é quando um colega estiver sendo carregado pelo inimigo, mas tome cuidado para não ser golpeado! Ao quebrar o gancho que o killer usaria, ele terá que ir para mais longe, o que pode ajudar o amigo na ação de se desvencilhar. Vale destacar que os ganchos localizados no porão são indestrutíveis, então não perca tempo.

Sempre cure a si mesmo e aos amigos — um aliado pode curar o outro, mas também é possível usar kits médicos (desde que você tenha um equipado) ou até usar a habilidade Benção: Círculo Curativo para ativar um totem de cura. Dependendo das habilidades que você tiver equipado, quando está machucado, o personagem ficará resmungando de dor, tem os movimentos mais limitados e ainda deixa um rastro de sangue (tudo isso servirá como pistas para o assassino encontrá-lo). .

Escolha um lugar calmo para curar (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Portões e a escotilha

Depois de ligar os cinco geradores, é preciso abrir os portões (ou pelo menos um deles). No entanto, quando o primeiro for aberto, um cronômetro começa a correr. Então, combine com seus amigos a melhor hora de fazer isso para que todos escapem. Os locais de fuga ficam nos limites dos mapas e iniciam os dois minutos finais do game.

Depois que abrir o portão, basta correr (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Ao longo da partida, alguns jogadores podem ser devorados pela entidade. Assim, há jogatinas em que restará apenas um sobrevivente — e é nesse momento que a escotilha de fuga aparece aberta. A singela portinhola fica no chão e é um pouco difícil de ser encontrada: ela emite um barulho diferente que aumenta conforme você se aproxima.

O assassino pode fechar a escotilha, o que libera a abertura dos portões e dificulta muito a fuga. Então, o ideal é que você encontre a saída antes dele, o mais rápido possível. Se você for pego, é o fim do jogo porque ninguém poderá resgatá-lo do gancho.

Comunicação entre a equipe

Se você estiver jogando com amigos, é sempre importante manter uma comunicação direta em um chat de voz. É necessário coordenar, por exemplo, quem vai resgatar um colega enganchado e quem está abrindo o portão. Também ajuda bastante avisar se você está sendo perseguido pelo assassino e indicar quando ele desistiu de você — desta forma, os outros jogadores voltam a ficar em alerta.

É claro, você também pode abrir o chat de voz para falar com jogadores aleatórios em partidas com matchmaking, mas toda a experiência em Dead by Daylight fica muito mais interessante e divertida quando jogada com outros três amigos.

Jogando como Assassino

Em Dead By Daylight, o lobo solitário caça suas vítimas. No universo, o assassino é responsável por caçar os sobreviventes e usá-los de oferenda à entidade. Assim, é preciso matar todos e não deixar ninguém escapar. Para isso, é necessário golpear os jogadores e levá-los para o gancho três vezes.

Caçando as vítimas

Uma das habilidades exclusivas do assassino é ver o rastro dos adversários. Quando os sobreviventes passam correndo por algum lugar, é possível ver as marcas vermelhas no chão, na janela ou no armário.

Rastros dos sobreviventes no chão (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Nem sempre o vilão será o mais rápido, porque isso depende muito do personagem escolhido, das habilidades equipadas e também da agilidade do próprio jogador. Os sobreviventes têm mais formas de driblá-lo e dificultar a movimentação. Por isso, como killer, tente ser o mais preciso possível na hora de atirar nas vítimas e golpeá-las — não fique frustrado se você errar o golpe nas primeiras partidas porque esta posição exige muita prática.

Uma estratégia funcional é que, se você estiver próximo de dois sobreviventes, tente golpear os dois para deixá-los machucados ou largados no chão. Assim, o time fica em desvantagem e, no melhor dos casos, você consegue pendurar a dupla nos ganchos.

Depois de caído, o sobrevivente só levanta com a ajuda de outro (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

O mapa também sinaliza quando os sobreviventes fazem barulho, quando erram os comandos e explodem um gerador, por exemplo. Nessa horas, vale a pena ir até o local, mas de forma sorrateira, já que a chegada do killer é esperada.

Evite ficar muito tempo focado em uma vítima, pois isso dá mais tempo para os demais jogadores concluírem os objetivos e fugirem.

Algo muito usado pelos sobreviventes são as lanternas, que deixam o assassino cego e faz com que ele derrube a vítima. Para evitar, basta olhar para cima ou para baixo, evitando o caminho do feixe de luz.

No flash, please (Imagem: Reprodução/Dead By Daylight)

Destruição

Para atrasar o progresso deles, é possível danificar os geradores, diminuindo a barra de progresso em cada um e atrasando a fuga. A escotilha, que aparece aberta quando resta apenas um jogador, também podem ser fechada.

Dicas gerais

Tanto os assassinos quanto os sobreviventes têm os pontos de sangue para serem gastos em melhorias, vantagens e itens que aparecem nas Teias de Sangue. Cada recurso desbloqueado proporciona ajuda nas fugas, reparos e afins no caso dos sobreviventes, e nos ataques e mudanças no ambiente para os assassinos.

Sempre que ganhar os pontos, gaste nos personagens que combinam mais com seu estilo de jogo e nas melhorias respectivas. Um ponto de atenção é que a partir de determinado nível, a entidade pega os itens da sua teia, então seja esperto e pegue os melhores antes dela.

Diagrama com algumas possibilidades da bloodweb (Imagem: Montagem/Reprodução/Dead By Daylight/Canaltech)

Outra dica importante para aumentar as possibilidades de gameplay, é progredir com mais de um sobrevivente ou assassino. Eventualmente, você conseguirá desbloquear vantagens exclusivas de um personagem e fazer com que elas apareçam nas Teias de Sangue de todos os outros.

Vale notar que as Teias de Sangue e progressão dos personagens estão disponíveis nas partidas com matchmaking. Se você fechar uma sala com cinco amigos, todas as habilidades e itens estarão desbloqueados, sem qualquer limitação — é uma ótima maneira de treinar e escolher o seu melhor estilo de jogo para as partidas abertas.

Com informações de Dead By Daylighy.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.