Caixa com luz UV varre o coronavírus da superfície de smartphones em 1 minuto

Por Claudio Yuge | 03 de Junho de 2020 às 20h40
Hoco

A pandemia do novo coronavírus não deve acabar tão cedo. A previsão, segundo as autoridades de saúde, é que só teremos vacinas para toda a população do mundo no final de 2021 e, até lá, teremos que conviver com as medidas de higienização constante de itens e distanciamento social. E os smartphones, que estão em contato com nossas mãos e rostos o dia todo, são alvo de preocupação, pois o patógeno permanece na superfície das telas e em todos os cantos dos aparelhos. Pensando nisso, fabricantes de eletrônicos como a Hoco vêm comercializando caixas esterilizadoras de COVID-19 com luz ultravioleta (UV).

A UVC-LED utilizada no gadget é germicida e possui um comprimento de onda entre 275 e 280 nanômetros e já provou matar bactérias e vírus de maneira até mais tão eficiente quanto esfregar superfícies com água e sabão, pois pode penetrar em cantos e fendas onde a limpeza convencional não alcança. Esse tipo de iluminação vem sendo utilizada em vários países para esterilizar veículos e agora versões portáteis dessa solução começam a ser vendidas para o consumidor final.

Divulgação/Hoco

O S1 Pro UV Disinfection Box pode esterilizar objetos em apenas um minuto e, segundo a Hoco, a bateria de 350 mAh pode desinfetar 50 vezes por carga e leva 30 minutos para se recarregada de novo, por meio de um conector micro-USB — o uso estimado de cada tanque completo é de 15 a 20 dias. Pesa 303 gramas e tem espaço interno de 10 x 2,1 x 17,7 cm, o suficiente para abrigar tablets, smartphones, chaves, óculos, iPods, pen drives, fones de ouvido, relógios, brinquedos pequenos, entre outras coisas.

Divulgação/Hoco

Infelizmente, o produto não está à venda no mercado brasileiro, mas aos poucos várias opções desse tipo de aparelho vem chegado ao território nacional. O US Disinfection Box S1 Pro da Hoco pode ser importado ao preço aproximado de 40 euros (R$ 229 na conversão direta e sem taxas).

Fonte: Hoco  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.