DataTraveler Elite, o pendrive USB 3.0 de entrada da Kingston

Por Pedro Cipoli

Atualmente observamos uma mudança no modo como as pessoas utilizam seus pendrives. Em vez de transportar pequenos documentos e apresentações, agora eles são utilizados para transferir até vídeos em altíssima resolução, funcionando lado a lado com media centers e televisões que possuem suporte USB. Capacidades de 16, 32 e 64 gigabytes se tornaram comuns, aproveitando tanto a miniaturização dos componentes como a evolução natural do padrão USB 2.0 para o USB 3.0, capaz de suportar velocidades de transferência 10 vezes maior.

O modelo Kingston DataTraveler Elite 3.0 que chegou em nosso laboratório de testes é um exemplo do resultado dessa mudança, oferecendo suporte a velocidades de 70 MB/s de leitura e 30 MB/s de escrita quando conectado a uma porta USB 3.0. Pelo menos essas são as informações da Kingston. Confira em nossos testes as velocidades alcançadas!

Kingston DataTraveler Elite 3.0

Configuração de testes:

  • Processador: Intel Core i7 980X six-core @ 4.1 GHz
  • Cooler: Havik 140
  • Placa-mãe: Gigabyte GA-X58-UD3R rev.2
  • Memória: Patriot 6GB DDR3 1600MHz em triple channel
  • Placa de vídeo: AMD Sapphire 6850
  • Fonte: Casemall Supreme Power 800w

HD Tune Pro 5.00

O HD Tune é uma suite de ferramentas de testes de dispositivos de armazenamento, como discos rígidos e pendrives, realizando vários testes com diferentes parâmetros para medir a velocidade de leitura/escrita, tempo de acesso, acesso aleatório e muitos outros.

Informações do Pendrive

O DataTraveler Elite 3.0 de 16 GB possui cerca de 14,7 GB disponíveis e suporta nada menos do que todos os recursos que o programa consegue detectar, como S.M.A.R.T, TRIM, gerenciamento de energia, cache de escrita e muitos outros.

HD Tune Pro 5 - Info

Teste de leitura de dados

Nos testes de leitura de dados do HD Tune Pro, o pendrive da Kingston se mostrou mais rápido do que as especificações originais, alcançando uma média de 80,1 MB/s de velocidade de transferência, com um pico de 82,1 MB/s e um mínimo de 74,9 MB/s.

HD Tune Pro 5 - Benchmark

Desempenho de arquivos

Na seção de transferência de arquivos, o HD Tune Pro testa a velocidade média de leitura e escrita sequencial e de diferentes blocos de arquivos, indo de 512 Bytes até 8192 MB. Nos resultados logo abaixo do primeiro gráfico vemos que o pendrive alcançou uma velocidade média de leitura de 82,823 MB/s e 36,280 MB/s de escrita, sendo especificações muito próximas das esperadas.

HD Tune Pro 5 - File Benchmark

CrystalDiskMark 3.0.1 x64

O CrystalDisk Mark é um programa gratuito e bastante simples, feito para medir o desempenho de dispositivos de armazenamento, onde utilizamos blocos de 50 MB, 1000 MB e 4000 MB como referências para os testes. Os resultados mostrados são as médias dos cinco resultados obtidos por operação.

CrystalDiskMark 50 MB
CrystalDiskMark 1000 MB
CrystalDiskMark 4000 MB

Em vários tamanhos de arquivos, o DataTraveler Elite 3.0 obteve 50% mais performance do que o anunciado pela Kingston, sustentando leitura de até 123 MB/s e escrita de 103 MB/s (taxas maiores do que um disco rígido convencional).

Para arquivos muito pequenos, como blocos de 4 KB, o desempenho é bastante baixo, especialmente para escrita, o que é natural pois para escrever um arquivo de 4 KB é necessário deletar um bloco de 512 KB e reescrevê-lo com os 4 KB adicionais, e essas operações adicionais diminuem - e muito - o desempenho final.

Nos tamanhos maiores (e mais comuns), o pendrive atingiu picos de 235 MB/s de leitura e 143 MB/s de gravação, resultado próximo ao obtido pelo HD Tune Pro e confirmando o bom desempenho do equipamento.

Desempenho em uma porta USB 2.0

Qualquer dispositivo USB 3.0 é compatível com portas USB 2.0, funcionando normalmente mas tendo o desempenho limitado às especificações dessa porta, que é de 480 Mbits/s. Transferimos dois arquivos para o pendrive para testar a sua velocidade de escrita: um de 7,08 GB e outro de 455 MB, onde conseguimos alcançar as mesmas transferências anunciadas pela Kingston: 30 MB/s de leitura e 25 MB/s de escrita.

Embora não sejam resultados impressionantes, é importante levarmos em consideração que o fator limitante no teste é a porta USB do computador, demonstrando que vale a pena adquirir o pendrive se o usuário possui um computador com portas USB 3.0 disponíveis.

Este último teste foi realizado em um desktop comum e em um netbook equipado com um SSD Kingston V200 de 128 GB, para evitar outros possíveis gargalos de desempenho. Em ambos, os resultados foram similares.

Conclusão

Disponível no mercado brasileiro por aproximadamente R$ 65, o DataTraveler Elite 3.0 da Kingston é uma excelente opção para usuários que constantemente utilizam o pendrive para assistir vídeos em altíssima resolução na televisão ou media center. Por ser um modelo que é compatível com o padrão USB 3.0, o preço é bastante competitivo, ainda mais se considerarmos que ele tem 5 anos de garantia.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.