Riot anuncia novidades para o circuito de CBLoL em 2020

Por Felipe Ribeiro | 21 de Janeiro de 2020 às 20h40
Riot Games

A Riot Games deu o pontapé inicial para a temporada 2020 do Campeonato Brasileiro de League of Legends, o CBLoL. Em coletiva de imprensa que aconteceu nos escritórios da empresa, nesta terça (21), em São Paulo, foram anunciadas algumas novidades para o circuito, como um novo patrocinador, atualização do time de narradores e comentaristas, e a implantação do sistema de franquias para a liga, que deve ser instaurada em definitivo em 2021.

Master Card entra como nova parceira

Patrocinadora global de League of Legends em eventos e sistemas de pagamento, a Master Card agora trouxe o acordo para o Brasil e será uma das parceiras do CBLoL em 2020. Dentro do acordo estão previstas ativações em vídeo, OOH, exclusividade na pré-venda de ingressos, distribuição in-game de benefícios, experiências Priceless exclusivas, meet&greet com atletas, entre outras atividades.

"O incentivo ao CBLoL faz parte de uma das estratégias da Master Card para atingir novos públicos e os eSports serão, com certeza, um dos nossos alvos. Por isso, nada melhor do que investir no maior campeonato do país", diz Sarah Buchwitz, vice-presidente de Marketing e Comunicação MasterCard Brasil e Cone Sul, durante a coletiva de terça.

Coletiva da Riot com os parceiros do circuito CBLoL/ Foto: Felipe Ribeiro/ Canaltech

Gillette, Dell e Red Bull, continuam como parceiras do evento e farão novas ativações e promoções para os fãs de League of Legends. Para Carlos Antunes, diretor de Esports da Riot Games no Brasil, a presença de grandes marcas endossa a credibilidade do CBLoL e o poder da comunidade que acompanha esportes eletrônicos desde o aparecimento dos primeiros campeonatos no país. "Estamos muito felizes com os resultados do CBLoL e do Circuito Desafiante em 2019. Nossa comunidade não só cresceu como mostrou um engajamento incrível em termos de audiência, mostrando a força dos Esports na nossa comunidade e no Brasil", afirma o executivo.

Novo time de Casters

Uma das grandes novidades da Temporada 2020 de CBLoL é o novo time de narradores e comentaristas do circuito, mais conhecidos como casters. Buscando a criação de novos formatos de narrativa e considerando o feedback da comunidade, a Riot decidiu renovar seu quadro de talentos e agora Melão, Skeat, Tixinha, Schaeppi e GSTV vão dar as boas vindas ao Gruntar, ex-caster do Circuito Desafiante, e a dois ex-atletas de League of Legends: Carlos Henrique "Nappon" Rücker e Murilo "Takeshi" Alves. Para completar o time, no Circuito Desafiante, Arthur "Vecet" Rage e Gabriel "MiT" Souza se juntam a Dudu "Etsblade".

Novo time de casters do CBLoL/  Foto: Felipe Ribeiro/ Canaltech

Já o programa Depois do Nexus contará com a participação de Letícia Motta, Matheus "Mylon" Borges, Ravena Dutra e Gustavo "Baiano" Gomes.

Sistema de Franquia

Depois de analisar o cenário brasileiro e diferentes experiências de formatos no mundo, a Riot Games chegou à conclusão de que é viável implantar o sistema de franquias no cenário competitivo brasileiro de League of Legends. As regiões da América do Norte, Europa e China já atuam com essa estrutura nas ligas de eSports, nas quis os times tornam-se parceiros formais e permanentes dos torneios — algo que também ocorre em outros esportes e ligas, como a NBA, a liga de basquete americana.

O processo de inscrição e análise de organizações para o CBLoL tem início ainda este ano com o objetivo de implementar o novo modelo em 2021. Mais detalhes serão divulgados em breve. "Estudamos a estrutura de franquias e chegamos à conclusão de se tratar de um modelo viável no Brasil. Vamos dar início ao processo de aplicação de times ainda neste ano e nosso foco é já termos um novo CBLoL em 2021", completa. É bom lembrar que, em um sistema de franquia, as equipes não são rebaixadas.

Sobre a procura por novos talentos, algo que terá uma nova dinâmica no sistema de franquias, a Riot utilizará o Circuito Desafiante para que os times possam pinçar esses atletas. Um sistema de Draft também pode ser implementado, mas ainda está sob estudo da empresa.

Teamfight Tactics terá cenário competitivo

A comunidade brasileira abraçou Teamfight Tactics e, por isso, a Riot Games vai organizar um torneio piloto do jogo em 2020 no Brasil. Mais novidades devem ser reveladas ao longo dos próximos meses, com o primeiro projeto desde game já acontecendo no primeiro semestre.

Os demais jogos anunciados pela Riot Games ainda passarão por uma série de análises globais e regionais para que, se possível outras ligas possam surgir.

A Fase de Pontos do Campeonato Brasileiro de League of Legends começa no dia 25 de janeiro, no estúdio da Riot Games, em São Paulo, a partir das 13h. Todos os confrontos serão transmitidos nos canais oficiais da empresa no YouTube e na Twitch e também no SporTV 2.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.