Mercado de eSports se manifesta contra regulamentação do cenário no Brasil

Mercado de eSports se manifesta contra regulamentação do cenário no Brasil

Por Igor Pontes | Editado por Bruna Penilhas | 10 de Agosto de 2021 às 16h54

Nesta terça-feira (10), representantes de organizações de eSports e membros notórios da comunidade enviaram uma carta aberta aos deputados estaduais do Brasil, em um movimento de oposição para os projetos de lei que buscam regular a prática do esporte eletrônico no território nacional. 


De acordo com a carta, as organizações e membros da comunidade não reconhecem a CBDEL (Confederação Brasileira de Desporto Eletrônico). Os assinantes pedem para serem incluídos no debate, já que afirmam que os estados não estão consultando membros da comunidade para definir as condições do cenário no país. O documento ainda afirma que "não há a necessidade de criação de estruturas que 'controlem' os esportes eletrônicos no Brasil". 

Conforme o Canaltech relatou em um levantamento, cerca de 11 Assembléias Legislativas do país trabalham ou já aprovaram um conjunto de normas para reconhecer legalmente a prática do esporte eletrônico.  

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!


Além da aberta, que você pode conferir na íntegra, membros de organizações e da comunidade de eSports compartilharam uma petição na plataforma Avaaz contra o projeto de lei PLS383, que quer regulamentar os jogos eletrônicos no Brasil.

Dentre os nomes que assinaram a carta, estão Felipe “brtt” Gonçalves, Bruno “Nobru” Góes, Nicolle “Cherrygumms” Merhy, Leo De Biase, Nyvi Estephan e Yuri “Fly” Uchiyama. Organizações de eSports como paiN, FURIA, Santos, INTZ, Vorax, Team One e Fluxo através de seus dirigentes também assinaram a carta.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.