SpaceIL revela que falha técnica no motor causou colisão da Beresheet com a Lua

Por Patrícia Gnipper | 12 de Abril de 2019 às 16h20
SpaceIL

Depois de dois meses de viagem, a nave Beresheet da israelense SpaeIL estava programada para pousar na Lua na última quinta-feira (11). Contudo, a poucos minutos do pouso, a comunicação com a nave foi perdida, com o pouso não sendo bem sucedido. Agora, a empresa explicou o que aconteceu: uma falha técnica no motor fez com que a nave não conseguisse frear devidamente, se "espatifando" na superfície lunar.

A falha técnica teria desencadeado os eventos, que por sua vez causaram o mal funcionamento do motor quando a espaçonave estava a apenas 14 km de distância da superfície da Lua, tornando "impossível reduzir a velocidade da espaçonave" enquanto ela descia. O motor principal conseguiu voltar a operar durante a descida, mas a esse ponto a retomada em seu funcionamento aconteceu tarde demais — a nave já estava em rota de colisão, a 500 km por hora.

Contudo, a equipe ainda fará testes abrangentes na próxima semana para entender melhor o que aconteceu. Se a missão tivesse sido completamente bem sucedida, a empresa teria feito com que Israel se tornasse a quarta nação a realizar um pouso lunar, precedida por Estados Unidos, Rússia e China. De qualquer maneira, a empresa já entrou para a história da exploração espacial ao se tornar a primeira companhia privada a enviar uma nave além da órbita da Terra.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A SpaceIL já disse que tentará de novo pousar uma nave na Lua, mesmo que ainda seja cedo para fornecer uma nova data de lançamento. A Beresheet levou 8 anos para ser desenvolvida e seu projeto envolveu US$ 100 milhões.

Fonte: Phys.org

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.