Primeiro voo do Programa Artemis com foguete SLS acontece no final de 2021

Por Daniele Cavalcante | 14 de Maio de 2020 às 19h15
Sculptor/Pond5
Tudo sobre

NASA

Saiba tudo sobre NASA

Ver mais

A NASA finalmente definiu uma nova data para o lançamento da Artemis I, a primeira missão do programa espacial que levará astronautas de volta à Lua em 2024. O voo será realizado pelo novo e poderoso foguete Space Launch System (SLS), que sofreu vários atrasos em seu cronograma de desenvolvimento.

De acordo com engenheiro da NASA, Tom Whitmeyer, a data de lançamento já está definida será “no final do próximo ano”, mas só será formalmente anunciada na próxima semana. Este será um voo de teste não tripulado com duração entre 26 e 42 dias, e levará a nave Orion à órbita lunar. Testes iniciais do tipo fazem parte de programas espaciais tripulados para garantir que, quando o voo com astronautas a bordo acontecer, absolutamente tudo envolvendo foguete, nave e trajetória de voo tenha sido testado e aprovado.

Este lançamento é muito aguardado e a confirmação do cronograma tem sido um assunto polêmico. É que o SLS está em desenvolvimento desde 2011 e já custou à NASA quase US$ 20 bilhões, sendo criticado por seu custo elevado e seus inúmeros atrasos.

Em março deste ano, um relatório do Escritório do Inspetor-Geral da NASA afirmou que cada um dos principais elementos do SLS “enfrentou vários desafios técnicos, problemas de desempenho e alterações de requisitos que resultaram em US$ 2 bilhões em custos excedentes e aumentos e pelo menos 2 anos de atraso no cronograma”.

Ainda há alguns testes para serem concluídos antes de colocar o SLS para voar. O próximo deles é um disparo dos motores de seu estágio principal, um dos elementos que mais sofreu com os constantes atrasos do projeto. O teste acontecerá no Stennis Space Center, no Mississippi, que está fechado nos últimos dois meses devido à pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV). Agora, de acordo com Whitmeyer, o pessoal principal da instalação está começando a retornar gradualmente às atividades no local.

Felizmente, os preparativos para o teste já estavam progredindo antes das medidas de isolamento social devido à COVID-19, então pode ser que o teste ocorra por volta do Dia de Ação de Graças deste ano, que acontece no final de novembro. Se tudo correr bem com esse teste, o estágio principal poderá ser enviado ao Centro Espacial Kennedy no final de 2020 ou no início de 2021. A partir daí, o SLS será montado para o lançamento da missão Artemis I no final de 2021.

Fonte: ArsTechnica

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.