Pentágono confirma veracidade de filmagem de OVNI feita pela Marinha dos EUA

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 25 de Maio de 2021 às 12h10
Reprodução/Jeremy Corbell/YouTube

Jeremy Corbell, diretor de documentários sobre objetos voadores não identificados, publicou recentemente um vídeo em suas redes sociais que mostra um objeto voador não identificado (OVNI) flutuando no mar e se movendo para os lados. Depois, o objeto parece mergulhar no oceano e desaparece. Um representante do Pentágono confirmou que a filmagem é real, mas não deu informações sobre quando e onde ela foi feita. Mas, vale ressaltar: a confirmação é de que o vídeo é real, sem montagens, por exemplo, não sendo a confirmação de que o objeto seria alguma tecnologia alienígena. Afinal, OVNI é justamente um objeto voador que não pôde ser identificado, e nada além disso.

Em seu site, Corbell descreve o objeto misterioso, explicando que “em 2019, a Marinha dos Estados Unidos fotografou e filmou OVNIs esféricos e veículos avançados capazes de viajar através do ar e da água”. A filmagem parece ter alguns cortes, mas mostra uma mancha escura pairando sobre o oceano enquanto algumas vozes masculinas podem ser ouvidas ao fundo. Depois, o objeto se movem horizontalmente, até que parece entrar na água e desaparece.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Confira a filmagem:

Segundo Corbell, a filmagem foi feita durante uma madrugada em julho de 2019 no Centro de Informações de Combate do navio USS Omaha, que fica próximo do litoral de San Diego. As imagens de radar do objeto registrado mostram que ele devia ter aproximadamente 2 metros de diâmetro e se movia à velocidade de 74 a 254 km/h. O objeto passou cerca de uma hora se deslocando e o vídeo é encerrado quando desaparece sobre o mar. Contudo, não há registros de vestígios de algum veículo no local em que o OVNI desapareceu.

Corbell comentou que um submarino já foi usado para buscar possíveis vestígios, mas não teve sucesso. Mesmo assim, ele espera mais informações sobre o ocorrido: “não sabemos se a Marinha ou o Pentágono pretendem dizer algo sobre o incidente de Omaha, mas estamos confiantes que o incidente é um mistério legítimo, e esperamos as próximas informações que possam vir”, disse na publicação.

Susan Gough, representante do Pentágono, confirmou que a filmagem foi feita pela Marinha dos Estados Unidos e que foi incluída em “análises em andamento” feitas pela Força-Tarefa de Fenômenos Aéreos Não Identificados (UAPTF), um programa do Escritório de Inteligência Naval dos EUA que analisa relatos de objetos aéreos sem explicação. Ela também recebeu perguntas por e-mail sobre a classificação do objeto e se ele foi adicionado aos relatórios da Força Tarefa da Marinha, mas não as respondeu.

Vale lembrar que, embora ainda não haja mais informações sobre a verdadeira natureza do objeto em questão, não significa que o vídeo mostre, de fato, alguma espaçonave vinda de outro planeta — tanto que Ryan Graves, ex-tenente naval, observou estes objetos durante quase dois anos e os considera uma ameaça caso sejam jatos táticos de outros países. No mês que vem, um relatório será publicado pelo Pentágono e deverá trazer mais casos e informações sobre estes objetos.

Fonte: Live Science

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.