Leilão de assento no foguete New Shepard já passa de US$ 2 milhões

Leilão de assento no foguete New Shepard já passa de US$ 2 milhões

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 19 de Maio de 2021 às 16h55
Blue Origin

No início de maio, a Blue Origin, empresa espacial fundada por Jeff Bezos, anunciou que a primeira tripulação voará a bordo do foguete New Shepard em 20 de julho, e que qualquer pessoa poderia participar de um leilão para disputar um assento na nave. Assim, os interessados puderam dar seus lances até esta quarta-feira (19) para tentar conseguir o assento sem os valores serem revelados, mas o processo vai mudar. Agora, a empresa mostra o valor do maior lance e, de hoje em diante, as demais propostas vão ficar disponíveis online.

Segundo a Blue Origin, houve mais de 5 mil participantes de 136 países que deram lances de diversos valores, sendo que o mais alto chegou à soma de US$ 1,4 milhão. O que muda agora é que a empresa passa a apresentar os lances, de modo que os valores vão ficar disponíveis no site. Então, os participantes precisarão oferecer valores acima do lance mais alto para continuarem no leilão — ou seja, já precisam dar lances acima de US$ 2,4 milhões, valor que foi alcançado durante esta tarde.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O processo será finalizado no dia 12 de junho durante um leilão final, que será realizado ao vivo com os participantes que se cadastraram e continuarem dispostos a competir por qualquer soma para tentar o assento a bordo do foguete. O vencedor irá viajar junto de outros tripulantes escolhidos pela empresa, cujos nomes ainda não foram revelados, e o valor arrecadado será doado para uma organização sem fins lucrativos, destinada a incentivar crianças a seguir carreira nas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática.

Não é de hoje que a Blue Origin vem trabalhando para levar pessoas ao espaço a bordo de uma espaçonave própria. Para isso, a empresa desenvolveu o foguete New Shepard, que é reutilizável e une veículo de lançamento e cápsula tripulável em um só sistema. O foguete foi testado recentemente em um "ensaio de voo" e o sucesso do procedimento aproximou a Blue Origin da realização de seu primeiro voo tripulado.

Futuramente, os passageiros que voarem com o foguete vão poder experienciar alguns minutos da sensação de ausência de peso, além de observarem a curvatura da Terra em contraste com a escuridão do espaço. Ao fim do voo, a cápsula tripulada irá pousar suavemente com a ajuda de um paraquedas e um retrofoguete, enquanto o foguete faz um pouso autônomo separado.

Fonte: TechCrunch, Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.