Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Inverno em Marte | Veja paisagens incríveis de gelo no Planeta Vermelho

Por| Editado por Patricia Gnipper | 26 de Dezembro de 2022 às 19h28

Link copiado!

NASA/JPL-Caltech
NASA/JPL-Caltech

A maioria das fotos de Marte revela cenários áridos dominados por rochas, mas o planeta também tem gelo em algumas regiões. Para celebrar o começo do inverno do hemisfério Norte, a NASA compartilhou imagens de algumas das formações geladas mais curiosas do Planeta Vermelho.

Durante o inverno marciano, a temperatura nos polos pode chegar a -125 ºC, muito mais gelado que qualquer lugar na Terra. Para se ter uma ideia, nosso planeta tem, em média, temperaturas de “apenas” -60 ºC no polo Sul e -30 ºC no polo Norte.

Nessa estação do ano, os polos de Marte são cobertos por neve, se transformando em verdadeiros espetáculos visuais. Muitas vezes, os formatos são bastante curiosos e acabam lembrando fuguras conhecidas, como aranhas, gêiseres e ovos fritos, além de formas realmente estranhas e difíceis de descrever.

Continua após a publicidade

A temperatura de -125 graus Celsius pode congelar dióxido de carbono (CO2), algo que não ocorre naturalmente na Terra — é preciso uma temperatura de pelo menos -78 ºC para congelar esse gás, formando o que chamamos de gelo seco.

Entretanto, a neve nos polos marcianos só ocorre sob nuvens, à noite. As câmeras de sondas na órbita de Marte não podem ver através dessas camadas, muito menos os rovers robóticos podem se aproximar de tais regiões. Por isso, ainda não vimos a neve marciana caindo na superfície.

O método que a NASA usou para confirmar a existência de neve em Marte foi usando um laser no rover da missão Phoenix, que pousou a cerca de 1.600 km de distância do polo Norte. Ali, ele usou o laser para detectar neve congelada caindo das nuvens, em formatos cúbicos menores do que a espessura de um fio de cabelo.

No fim do inverno, a temperatura sobe acima dos níveis de congelamento de CO2. Quando isso acontece, o dióxido de carbono sublima, passando do estado sólido para gasoso sem nenhum estado líquido intermediário.

Quando todo o gelo acumulado começa a sublimar na atmosfera, paisagens geladas fabulosas se formam em Marte. Esse descongelamento também causa a erupção de gêiseres, um gelo translúcido que deixa a luz do Sol aquecer o gás abaixo, resultando em uma “explosão” gasosa.

Confira abaixo um vídeo da NASA sobre como é o inverno em Marte:

Continua após a publicidade

Fonte: NASA