Governo dos EUA não tem alienígenas escondidos, segundo Edward Snowden

Por Nathan Vieira | 23 de Outubro de 2019 às 20h40
Tudo sobre

Edward Snowden

Saiba tudo sobre Edward Snowden

Nesta quarta-feira (23), Edward Joseph Snowden - ex-administrador de sistemas da CIA e ex-contratado da NSA que tornou públicos detalhes de vários programas que constituem o sistema de vigilância global do governo estadunidense - participou de um podcast para trazer à tona alguns detalhes sórdidos de segredos norte-americanos. Ele aproveitou para entrar num assunto que anda super em pauta ultimamente: alienígenas. No entanto, segundo Snowden, ao contrário do que apontam as teorias da conspiração, o governo norte-americano não está escondendo os ETs de todos nós.

Acontece que os Estados Unidos têm um lugarzinho bem famoso chamado Área 51, que consegue atrair a atenção de pessoas do mundo inteiro por causa dos rumores de que haveria alienígenas lá. Em julho deste ano, milhares de internautas aderiram ao evento "They Can't Stop All of Us" ("Eles não podem parar todos nós") no Facebook, cuja ideia era justamente invadir a Área 51 — instalação da Força Aérea dos Estados Unidos cujo objetivo é publicamente desconhecido, com a crença popular de que o governo esconderia discos voadores e até mesmo aliens que teriam sido encontrados na Terra.

Essa história de invasão começou como uma brincadeira, mas aos poucos foi se alastrando e as pessoas passaram a tentar invadir de verdade a região. No início do mês, um youtuber holandês também decidiu invadir, e chegou a ser preso pelas autoridades locais ao simplesmente ignorar todos os avisos para não ultrapassar.

No entanto, parece que tanto drama em torno dos supostos ETs da Área 51 está sendo em vão. "Eu sei que você quer que haja alienígenas", Snowden diz ao apresentador do podcast, Joe Rogan. "Se nós os escondemos — eu tinha acesso às redes da NSA, CIA, forças armadas, todos esses grupos —, eu não consegui encontrar nada. Se está escondido, e pode ser que esteja, está realmente muito bem escondido, especialmente para pessoas de dentro", revela.

Em reação às revelações internas feitas na época em que Snowden trabalhava na NSA, o governo dos Estados Unidos acusou Snowden de roubo de propriedade estatal, comunicação não autorizada de informações de defesa nacional e comunicação intencional de informações para pessoas não autorizadas. Tendo isso em mente, ele mora na Rússia desde 2013. Em setembro deste ano, Snowden lançou seu livro de memórias chamado Permanent Record. No lançamento, o Departamento de Justiça entrou com uma ação contra ele e sua editora por não terem enviado o livro às agências governamentais para revisão prévia à publicação.

Fonte: CNET

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.