Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Destaque da NASA: galáxias em dose dupla são foto astronômica do dia

Por| Editado por Luciana Zaramela | 02 de Maio de 2024 às 13h13

Link copiado!

Drew Evans
Drew Evans

A galáxia espiral M100 é o astro da foto destacada pela NASA nesta quinta (2) em seu site Astronomy Picture of the Day. O registro foi feito por Drew Evans, revelando detalhadamente a estrutura espiral dela.

Considerada um dos membros mais brilhantes do aglomerado galáctico de Virgem, a M100 fica a 56 milhões de anos-luz da Terra. Ela pode ser vista na direção da constelação Cabeleira de Berenice.

Esta galáxia é o lar de mais de 100 bilhões de estrelas, dispersas por seus braços espirais parecidos com os da Via Láctea.

Continua após a publicidade

Ao longo de 21 horas de exposição, o fotógrafo conseguiu registrá-la quase de frente, capturando as características da sua estrutura. 

Se você observar a imagem com atenção, vai encontrar algumas regiões azuladas, que indicam aglomerados estelares. Também apareceram faixas de poeira, que são estruturas típicas de galáxias do tipo. 

Perceba também que a M100 (ou NGC 4321) não está sozinha. Ela foi fotografada junto de NGC 4312, visível no canto superior direito. 

Galáxias espirais 

As galáxias são classificadas como espirais, espirais barradas, elípticas e irregulares. As galáxias espirais são conhecidas por suas estruturas bastante complexas: elas têm um bojo central e denso, encontrado no centro de um disco espiral. 

Já M100 é considerada uma galáxia espiral do chamado “grand design”, título que inclui apenas 10% das galáxias espirais conhecidas. A maioria delas tem estrutura parecida, mas com pequenas variações; por exemplo, algumas têm braços distorcidos, enquanto outras apresentam barras de estrelas em seus centros.

As do tipo grand design, por outro lado, apresentam braços espirais bem definidos e um núcleo claro. Embora também apresentem braços com alguma assimetria e estrutura desalinhada, elas são quase perfeitas, sendo consideradas referências das galáxias espirais.

Continua após a publicidade

Fonte: APOD