Velozes e Furiosos 9: Como Han pode estar vivo?

Velozes e Furiosos 9: Como Han pode estar vivo?

Por Beatriz Vaccari | Editado por Jones Oliveira | 03 de Julho de 2021 às 22h00
Universal Pictures

F9 foi um verdadeiro fan service para os fãs de Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio. Isso porque, 15 anos após o terceiro filme da franquia que curiosamente não contava com Vin Diesel ou Paul Walker no protagonismo, o diretor Justin Lin estabeleceu o universo cinematográfico que introduziu em 2006 com o longa-metragem centrado em Sean Boswell e Han Lue.

Atenção! Esse texto contém spoilers!

(Imagem: Divulgação / Universal Pictures)

No entanto, pela ordem cronológica de acontecimentos da saga, Desafio em Tóquio acontece logo depois de Velozes e Furiosos 6, quando Gisele Harabo (interpretada por Gal Gadot) se sacrifica para salvar Han dos criminosos que tentavam capturar Mia Toretto. Visando cumprir a promessa que fez para a namorada, Han viaja à Tóquio e começa um novo capítulo de sua vida: abre sua própria garagem e começa a se envolver com pilotos de drift e de corridas clandestinas na capital japonesa. É lá que ele conhece o jovem Sean Boswell, protagonista do terceiro filme da saga que acabou tornando-se um grande amigo de Han.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Durante uma corrida para "resolver os problemas no asfalto" em Desafio em Tóquio, Takashi, sobrinho de Kamata, um chefe da Yakuza, persegue Sean pelas ruas japonesas, mas não consegue alcançá-lo. Han protege Sean de Takashi, mas seu carro acaba sendo detonado por outro. O automóvel capota e fica as rodas para cima e Han não consegue escapar antes do veículo explodir.

A morte de Han em Desafio em Tóquio (Imagem: Divulgação / Universal Pictures)

Fica subtendido, então, que Han morreu nessse acidente, mas, na cena pós-créditos de Velozes e Furiosos 6, o diretor Justin Lin sugere que na realidade a grande culpa pela morte dele seja do irmão de Owen, Deckard Shaw, que dirigia o carro que bateu no de Han. O assassinato dele é apenas o pontapé inicial para todas as tragédias que a família de Toretto e O'Conner vivem em Velozes e Furiosos 7, que inclusive mostra todos os personagens presentes em seu velório.

Mas se Han morreu de fato em Tóquio, como que é possível ele estar vivo em F9, visto que os acontecimentos se encaixam anos após o Drift no Japão? O próprio filme explica — e envolve Han como peça-chave para todo esse universo cinematográfico que Justin Lin propõe.

Como Han está vivo após seu fim em Desafio em Tóquio? (Imagem: Divulgação / Universal Pictures)

Como Han sobreviveu em Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio?

O grande responsável por manter Han vivo é Mr. Nobody, personagem cuja primeira aparição aconteceu em Velozes e Furiosos 7, interpretado por Kurt Russell. O contexto de sua introdução na franquia estava diretamente ligado a Han: acionado por Hobbs, Nobody agora precisa da ajuda da equipe de Toretto para resgatar o vírus God's Eyes, elaborado pela hacker Ramsey. Em troca do projeto tecnológico, o agente ajudaria Dominic, Brian e o resto da família a capturarem Shaw.

Mas a questão é: Han já estava sendo dado como morto em Velozes e Furiosos 7, então como que um personagem que só foi introduzido nesse filme poderia estar de alguma forma envolvido com a sobrevivência dele? É simples: Mr. Nobody tem uma história que vai além do capítulo sete da franquia. Ao saber da morte de Gisele Yashar, o agente foi para Tóquio atrás de Han, oferecendo proteção em troca de um dispositivo chamado Projeto Áries.

Quem é vivo sempre aparece (Imagem: Divulgação / Universal Pictures)

Esse aparelho, obviamente, fazia parte de algo muito maior do que Han imaginava — e logo o personagem começou a correr um sério perigo por estar envolvido no roubo da tecnologia. Embora cumprisse a promessa de recuperar o Projeto Áries, Han conheceu uma jovem chamada Elle, cujos pais estavam guardando o dispositivo e o travaram com seu DNA. Quando os donos do projeto foram assassinados, Han acolheu Elle e a escondeu em sua casa, em Tóquio.

Visando esconder Han e consequentemente Elle, Mr. Nobody armou a morte do piloto de uma forma bastante convincente. “Minha morte se tornou a melhor maneira de permanecer vivo”, diz Han a Dom e ao grupo em F9, explicando sua ausência sem avisar nenhum dos outros integrantes da família.

Tudo é possível na família Toretto, aparentemente (Imagem: Divulgação / Universal Pictures)

Embora sem tantas explicações e deixando um pouco a desejar, o retorno de Han para os filmes é definitivamente um fan service para o público da saga que abre margem para diversos questionamentos de eventos da franquia: se Han está vivo, será que Gisele também está? Estaria Mr. Nobody escondendo a namorada do personagem desde o filme seis? Uma vez que nunca vimos o corpo da personagem interpretada por Gal Gadot, a chance é alta — e visto que em F9 os carros agora são capazes de irem para o espaço, tudo é possível quando se trata de Velozes e Furiosos.

F9 ou Velozes e Furiosos 9 está em cartaz nos cinemas brasileiros. Os demais filmes da franquia estão disponíveis no catálogo do Telecine.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.