The Rain | 5 motivos para maratonar a série pós-apocalíptica da Netflix

Por Natalie Rosa | 12 de Agosto de 2020 às 11h11
Netflix

A terceira e última temporada da série The Rain, produção dinamarquesa original da Netflix, acaba de entrar para o catálogo da plataforma de streaming, dando adeus à chuva que exterminou grande parte da população. A trama chegou ao seu fim encerrando a história com foco no desenvolvimento dos personagens, apresentando todos os elementos de ficção científica como coadjuvantes, mesmo que intensos.

The Rain acontece em um mundo pós-apocalíptico em que uma terrível chuva carregada com um vírus misterioso matou centenas de milhares de pessoas, deixando apenas alguns sobreviventes. Após muitos anos, o vírus acabou não indo embora e ainda está contaminando o planeta Terra, ameaçando o fim da humanidade.

Se você ainda não começou a maratonar The Rain, chegou a hora de mudar isso! Pensando nisso, o Canaltech preparou uma lista com cinco motivos para te convencer a "sintonizar" nessa série o quanto antes. Veja quais são!

Imagem: Divulgação/Netflix

5. Ciência

Quem gosta de uma boa produção que envolve ciência não pode perder a oportunidade de entender o que foi a criação desse vírus. No início da trama, ainda não conhecemos muito bem sobre essa doença, mas sabe-se que ela causa convulsões graves nas pessoas até levá-las à morte.

Mas, como o passar dos episódios, vemos ela ganhando força não só nos corpos das pessoas, como na natureza. Todos os efeitos especiais são bastante caprichados, nos fazendo acreditar que as manifestações do vírus realmente estão por ali. Além disso, a série mostra experimentos bizarros feitos em laboratório com frequência.

4. Humanidade

De nada adianta contar uma história que afeta os humanos sem falar sobre eles, certo? É por isso que The Rain está completamente envolvida no desenvolvimento de seus personagens, principalmente nos protagonistas Simone (Alba August) e Rasmus (Lucas Lynggaard Tønnesen). Irmãos, eles estão sempre juntos para lutar contra esse perigoso vírus que está relacionado à família deles.

Ao longo da jornada, novos personagens vão aparecendo neste mundo pós-apocalíptico, e vamos entendendo quais são as reações das pessoas quando em situações de miséria e fome extrema, apelando para a sobrevivência a todo e qualquer custo. Por mais que essas condições dominem a cabeça desses personagens, muitos deles estão dispostos, mesmo que inconscientemente, a lutar contra a falta de humanidade que começa a surgir.

Imagem: Divulgação/Netflix

3. Protagonismo feminino

Rasmus é, com certeza, o personagem central da história, basta assistir ao primeiro episódio para entender isso. Porém, quem ganha destaque é a sua irmã, Simone, que basicamente "carrega" a série nas costas em alguns momentos. Sem ela, muitas das situações em que é preciso de uma boa cabeça pensante e sensata não seriam os mesmos.

Mas ela não está sozinha nessa, pois a trama conta com outras personagens femininas que fazem a diferença na história. The Rain prova que mulheres não precisam mais ser retratadas como inocentes, sendo "mocinhas" ou vilãs, e que elas podem pensar com a própria cabeça, se sacrificar e tomar suas decisões importantes para o andamento do roteiro.

2. História de esperança

Por mais que, em alguns momentos, pareça que nada vai ter solução, os personagens não desistem de tentar acabar com o vírus sem precisar matar ninguém e tentar reconstruir o mundo. A tarefa não é fácil, mas se não fosse pela insistência e empatia com o próximo, a série não seria tão bem desenvolvida como foi, afinal ela vai além dos efeitos especiais.

Os personagens também apresentam, entre si, uma dinâmica perfeita de sentimentos e companheirismo, sem que um precise passar por cima do outro. Não é preciso apelar para a violência extrema para sobreviver a um apocalipse, mas sim pensar com a razão sem se deixar levar pelos instintos.

Imagem: Divulgação/Netflix

1. História curta, rápida e prática

The Rain é uma série que não tem enrolação. Com apenas três temporadas, duas com oito episódios e uma com seis, a história é contata "redondinha" do começo ao fim, apresentando a criação da chuva, seus objetivos e suas consequências na medida certa. Hoje, com o vasto catálogo apresentado pela Netflix mensalmente, tudo o que queremos é uma série que seja rápida de assistir, mas que seja recheada de histórias boas e de qualidade.

Além de maratonar todos os episódios bem rápido, você descobre um pouco sobre um novo idioma, o dinamarquês, caso goste de assistir à séries legendadas. The Rain é um prato cheio para quem quer conferir uma novidade, algo diferente, mas não quer usar muito do seu precioso tempo para isso.

Todas as três temporadas de The Rain estão disponíveis na Netflix.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.