The Crown | Netflix mostra Imelda Staunton como Rainha Elizabeth II

The Crown | Netflix mostra Imelda Staunton como Rainha Elizabeth II

Por Beatriz Vaccari | Editado por Jones Oliveira | 02 de Agosto de 2021 às 10h27
Netflix

A 5ª temporada de The Crown não vai chegar tão cedo, mas a Netflix já está preparando os fãs com algumas coisas que estão por vir nos próximos episódios. Em um novo tweet exclusivo sobre a nova temporada, o streaming revelou a primeira imagem da Rainha Elizabeth II interpretada por Imelda Staunton.

Como de costume do drama real, a 5ª e a 6ª temporada contarão com uma nova geração de atores, encabeçada por Staunton, mais conhecida pelos seus papéis em Harry Potter e O Segredo de Vera Drake. A atriz dá continuidade ao legado da Rainha Elizabeth II, anteriormente vivida por Claire Foy nas duas primeiras temporadas e Olivia Colman, nas duas últimas.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Ela se junta ao elenco formado por Jonathan Pryce (Dois Papas), que será o Príncipe Phillip; Lesley Manville (Trama Fantasma), que será a Princesa Margaret; Elizabeth Debicki (Tenet), que interpretará a Lady Di; Dominic West (The Wire), que viverá o Príncipe Charles; e Jonny Lee Miller (Elementary) que será o Primeiro Ministro John Major.

Os novos atores foram anunciados pouco tempo antes de a quarta temporada do show chegar à Netflix. Na ocasião, Imelda Staunton revelou que "Amou The Crown desde o início" e "como atriz, foi uma alegria ver como Claire Foy e Olivia Colman trouxeram algo especial e único para os roteiros de Peter Morgan. Estou genuinamente honrada por me juntar a uma equipe criativa tão excepcional e levar a série às suas conclusões."

Visto que a quarta temporada iniciou-se em 1979 e terminou no início dos anos 1990, os novos episódios devem dar continuidade aos eventos da década, considerada uma das épocas mais conturbadas para a Família Real. Entre os principais acontecimentos, há o divórcio dos três filhos de Elizabeth II: Anne, Andrew e Charles. Além disso, há também o incêndio no Castelo de Windsor e a substituição de Margaret Thatcher por John Major (o que definitivamente será retratado, visto que a Netflix já anunciou Lee Miller no elenco).

As únicas apostas dos fãs centram-se na morte de Princesa Diana, que ocorreu em 1997. Considerando que a quantidade de acontecimentos no início da década é bem grande, é de se imaginar que a série deve optar por retratar esse evento que chocou o mundo apenas na sexta (e última) temporada. The Crown não costuma ser uma produção que transmite os eventos de forma apressada e sem explicações, e considerando a quantidade de história a ser contada, há muito o que pensar para os próximos episódios.

Eventos ignorados

Vale lembrar também que após a separação de Meghan Markle e Príncipe Harry da Família Real, os fãs do drama britânico ficaram curiosos para saber se o casal seria retratado na série, já que a trama está caminhando para os dias mais atuais. Ao THR, o criador Peter Morgan revelou que o casal não aparecerá nas temporadas finais.

"Eu simplesmente penso que as pessoas se tornam mais interessantes com o tempo. Meghan e Harry, por exemplo, estão no meio de suas jornadas, e eu não sei qual jornada será, ou como vai terminar. Eu desejo felicidade a eles, é claro, mas me sinto mais confortável em escrever sobre coisas que aconteceram ao menos 20 anos atrás", declarou, justificando que não deseja que The Crown se torne uma "narrativa jornalística", o que ele julga que vai acontecer caso tenha que escrever sobre fatos mais recentes.

 "Tivemos tantos exemplos de complicações maritais", diz criador (Imagem: Divulgação / Netflix)

No entanto, ele também declarou que a situação de Meghan não foi a única na família real britânica. "Tivemos tantos exemplos de complicações matrimoniais, seja Wallis Simpsons e Edward 6º, ou Diana e príncipe Charles. Tivemos muitas mulheres que se casaram com membros da família real, mas não se sentiram bem-vindas nesta instituição. Podemos facilmente contar a história de Harry e Meghan sem contar a história de Harry e Meghan".

The Crown é uma das séries indicadas ao Emmy 2021, acumulando 24 nomeações. O drama britânico está presente nas principais categorias do gênero, incluindo Melhor Série de Drama, e Emma Corrin e Olivia Colman disputando o prêmio de Melhor Atriz Principal em Série de Drama. A premiação acontece em 19 de setembro e é possível maratonar as quatro temporadas até lá, todas disponíveis na Netflix. A quinta temporada ainda não tem data de estreia.

Fonte: GamesRadar

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.