Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Saúde de Bruce Willis já preocupava colegas em sets de gravação há tempos

Por| Editado por Jones Oliveira | 01 de Abril de 2022 às 17h28

Link copiado!

Lionhead Productions
Lionhead Productions

No início desta semana, o mundo ficou em choque com o afastamento de Bruce Willis da carreira de ator. A decisão do ator foi motivada pelo diagnóstico de uma doença chamada afasia, que provoca confusão mental.

Apesar de ser uma notícia nova, a saúde de Willis já havia se tornado tema de discussão no set de filmagens do filme Fuga da Morte, que estreou em 2021. O diretor do longa, Mike Burns, teria pedido aos roteiristas a redução do tempo de tela do ator, também abreviando seus diálogos e retirando possíveis monólogos.

Continua após a publicidade

Preocupação

Os sintomas, no entanto, são ainda mais antigos, segundo novas declarações feitas recentemente. Mais de 20 pessoas relataram à imprensa norte-americana que já se sentiam preocupadas com a saúde de Willis. Eles contam que o ator com frequência se esquecia de suas falas durante as gravações, precisando da ajuda de um ponto eletrônico para saber o tempo certo de falar.

Nas cenas de ação, principalmente nas que precisavam de armas de fogo, o ator precisava de um dublê. Dois anos atrás, segundo um dos relatos, Willis teria até disparado uma arma de fogo cenográfica na hora errada, mas felizmente ninguém ficou ferido.

As declarações seguem o mesmo padrão, alegando que várias falas do ator precisaram ser cortadas e as gravações reduzidas para, no máximo, dois dias. Outros citam ainda que os encontros com Willis eram estranhos, que não parecia ser o Bruce que lembravam. Algumas vezes ele até perguntava onde estava.

Bruce Willis foi diagnosticado com afasia, uma doença que prejudica a habilidade de uma pessoa se comunicar, entre outros transtornos cognitivos. Por isso, a melhor decisão a ser tomada foi o afastamento das atividades de ator, preservando sua saúde e integridade.

Fonte: LA Times