Reboot de Hellraiser será uma nova adaptação do livro, explica diretor

Reboot de Hellraiser será uma nova adaptação do livro, explica diretor

Por Laísa Trojaike | Editado por Jones Oliveira | 10 de Agosto de 2021 às 15h20
New World Pictures

Na onda de revivals dos clássicos do terror, teremos também o remake de Hellraiser, cuja estreia é aguardada para 2022. Ainda não foram revelados detalhes da trama, mas declarações recentes de David Bruckner forneceram uma luz para os fãs que estão ansiosos para saber como será o novo filme dos cenobitas.

Em entrevista à revista SFX, o diretor explicou que a história original está sendo um pouco reimaginada e a equipe ainda não tem autorização para falar muito sobre o projeto. Ainda assim, ele aproveitou a oportunidade para dizer que estão “trabalhando ativamente” e que mergulhar em um mundo como o de Hellraiser “é uma alegria e um sonho para um cineasta como” ele. Na sequência, ele explica quais são as raízes do novo filme:

"Tudo o que direi é que nosso objetivo é ser o mais fiel possível ao material original. 'The Hellbound Heart' também é uma fonte primária de inspiração, assim como o filme original. Mas então é uma espécie menor de reimaginação e estamos trabalhando nisso atualmente".

Pôster oficial do primeiro filme da franquia, Hellraiser - Renascido do Inferno (Imagem: Reprodução/New World Pictures)

O novo Hellraiser tem roteiro assinado por David S. Goyer, da trilogia Cavaleiro das Trevas, e pela dupla Ben Collins e Luke Piotrowski, de Tempos Obscuros. Além deles, o filme também terá como roteirista o criador do universo, Clive Barker, autor de The Hellbound Heart, publicado no Brasil com o mesmo título do filme de 1987, Hellraiser - Renascido do Inferno. Barker dirigiu e escreveu sozinho o primeiro filme e agora atua como produtor do reboot.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Originalmente interpretado por Doug Bradley, o principal cenobita da franquia agora será interpretado por uma mulher, divulgação de elenco que é aguardada com ansiedade pelos fãs. O diretor David Bruckner já é um nome razoavelmente conhecido no terror e sua filmografia inclui os filmes O Sinal (2007), O Ritual (2017) e A Casa Sombria (2020). Ele também dirigiu segmentos de V/H/S (2012) e Southbound (2015), além de realizar dois episódios de Creepshow (2019).

Fonte: SFX

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.