One Piece │ Lista de episódios de live action da Netflix é revelada; confira

One Piece │ Lista de episódios de live action da Netflix é revelada; confira

Por Durval Ramos | Editado por Jones Oliveira | 10 de Novembro de 2021 às 11h15
Reprodução/Shueisha

A série em live action de One Piece produzida pela Netflix deve condensar cerca de 61 capítulos do anime em apenas dez episódios. Com isso, a primeira temporada do seriado vai abordar todo o arco East Blue, focando principalmente na apresentação de cada um dos personagens e se encerrando quando a tripulação do Bando do Chapéu de Palha chega à Grande Rota.

Embora a Netflix não tenha comentado nada sobre os episódios, a lista completa foi divulgada pelo IMDb, que trouxe inclusive o título de cada um deles. Assim, é preciso ter em mente que não é nada oficial, mas um grande indicativo do que devemos ter quando a série for liberada no streaming.

A lista de episódios divulgada é a seguinte:

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

  • Romance Dawn
  • (Episódio 2 não foi revelado)
  • O Capitão de 8 mil Homens
  • Cozinheiros do mar
  • Um sapo no poço
  • Braços e tubarões
  • Plantação de laranjas
  • Companheiros
  • O Fim e o Início
  • Grande Rota

Com base nessa lista, é fácil imaginar como será a construção da primeira temporada de One Piece. O episódio de estreia faz referência direta ao capítulo inicial do mangá, que é chamado justamente de Romance Dawn: O Amanhecer de uma Aventura, e deve introduzir Luffy (Iñaki Godoy) e o mundo da pirataria e as Frutas do Diabo, que concedem poderes especiais a quem as come.

Arco East Blue é onde o anime apresenta toda a tripulação inicial do Bando do Chapéu de Palha (Imagem: Reprodução/Shueisha)

A partir daí, devemos ter um episódio para cada um dos personagens. Embora o título do segundo episódio não tenha sido revelado, fica claro que ele vai ser focado no caça-piratas Zoro (Mackenyu). Já O Capitão de 8 Mil Homens e Cozinheiros do Mar vão introduzir Usopp (Jacob Gibson) e Sanji (Taz Skylar), respectivamente.

No anime, a apresentação de cada um desses personagens é feita entre seis e onze episódios, o que sugere uma simplificação bastante radical na história. Isso pode significar, por exemplo, que personagens como Buggy, o Pierrot podem ficar de fora — ou, no máximo, aparecer muito rapidamente e não como a primeira grande ameaça que é retratado no mangá e anime.

O que a lista do IMDb sugere é que a série da Netflix vai dedicar um tempo a mais para contar a história de Nami (Emilia Rudd). Dos dez episódios da temporada, três deles fazem referência direta à origem da navegadora, o que indica que o clímax da temporada deve ser mesmo a luta de Luffy contra o homem-peixe Arlong. Esse é um momento bastante marcante na trama e que ajuda a estabelecer a relação entre os heróis.

Além disso, o episódio Um Sapo no Poço indica que o seriado também vai apresentar Mihawk, um espadachim superpoderoso e que se torna alguém muito importante no futuro de One Piece, enquanto O Fim e o Início e Grande Rota marcam um ponto-chave da série, que é quando o Bando do Chapéu de Palha entra, de fato, no caminho em busca do One Piece, o lendário tesouro que deu início à Era dos Piratas.

A grande questão que fica em torno disso tudo é se as coisas não vão ficar muito corridas. Como dito, a temporada condensa cerca de 60 episódios do anime e parece óbvio que muitos personagens vão ficar de fora e algumas histórias simplificadas. Resta saber como essas adaptações vai ser feitas para manter o peso dos eventos e garantir que os fãs se empolguem com o live action da mesma forma que na animação original.

One Piece ainda não tem data para chegar à Netflix.

Fonte: IMDB

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.