Vendedores brasileiros vão poder vender no AliExpress

Vendedores brasileiros vão poder vender no AliExpress

Por Roseli Andrion | Editado por Claudio Yuge | 17 de Agosto de 2021 às 20h20
Reprodução

Vendedores brasileiros já podem anunciar seus produtos no AliExpress. A empresa vai cobrar comissão de 5% a 8% (de acordo com a categoria dos produtos vendidos) e oferecer serviço integrado de logística. Assim, vai permitir frete gratuito para todo o território nacional em vendas de lojistas brasileiros para consumidores localizados no Brasil sempre que o valor da compra for de pelo menos R$ 50 e o produto não tiver peso excessivo.

O envio de produtos no país será coordenado pela Cainiao, que já opera por aqui e vai organizar os diversos parceiros locais. Além disso, o AliExpress promete assegurar repasses financeiros mais rápidos que a média do mercado aos lojistas brasileiros, bem como a opção de saques diários. Inicialmente, só poderão vender no AliExpress aqueles que tiverem CNPJ. O ingresso no sistema é sujeito a aprovação e, assim que o cadastro é liberado, o vendedor pode inserir produtos e iniciar as vendas online imediatamente.

Segundo a plataforma, os vendedores terão à disposição ferramentas para melhorar a conversão e o desempenho de suas vendas. A Universidade AliExpress já oferece cursos técnicos de marketing digital em português e serviço de suporte 24 horas por dia, sete dias por semana.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Imagem: Divulgação/AliExpress

Conferência online

Uma conferência online, totalmente em português, em 1º de setembro, vai permitir que vendedores brasileiros conversem diretamente com executivos e técnicos do AliExpress no Brasil e no exterior. O encontro é aberto a todos os interessados em usar a plataforma como canal de vendas. As inscrições estão abertas neste link.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.