Compras em loja física voltam a crescer e acompanham varejo online, diz estudo

Compras em loja física voltam a crescer e acompanham varejo online, diz estudo

Por Redação | 13 de Dezembro de 2021 às 10h41
twenty20photos/Envato

A suspensão das atividades em lojas físicas, em decorrência da pandemia, contribuiu exponencialmente com a movimentação do comércio eletrônico. Dados da empresa eMarketer, especializada em pesquisas de mercado, revelaram um crescimento médio de 27% no número de compras pela internet em todo o mundo, no último ano. Enquanto isso, a movimentação em lojas físicas estava em queda.

No segundo semestre de 2021, contrariando as expectativas, um estudo realizado pela consultora multinacional PwC revelou uma recuperação das vendas em lojas físicas.

O relatório “Global Consumer Insights Pulse Survey” analisou a frequência na qual o público utiliza diferentes canais de venda. De 2020 para 2021, foi registrada uma queda de 12% na utilização das lojas físicas. Já do primeiro semestre de 2021 para o segundo semestre do ano, houve uma recuperação de 10%. Na análise geral, as compras em lojas físicas têm a preferência de 45% dos entrevistados, também questionados sobre as compras via mobile, computador ou tablet.

Segundo a sênior account manager da E-goi Digital Solutions, Andreia Botelho, a integração das experiências de compra online e offline é o principal segredo para implementar estratégias eficazes e diferenciadas que permitam atrair e fidelizar o cliente neste novo cenário.

“A verdadeira vantagem competitiva reside na capacidade de retirar a informação certa de cada ambiente. Já temos tecnologias disponíveis no mercado que permitem fazer o tracking em loja física e combiná-lo com os dados coletados online, para personalizar cada vez mais a jornada do consumidor”, explica.

Uma das soluções que permite conhecer e integrar o comportamento offline é o Tracking em loja física da E-goi Digital Solutions. Através da tecnologia Smart Wifi, o cliente se conecta ao Wifi e inicia navegação em loja de forma gratuita, concedendo as permissões necessárias. Enquanto estiver na loja, é possível conhecer tempos de permanência, comportamento de compra e outras informações essenciais para aprimorar as próximas experiências de consumo.

“Quando há acesso a um CDP (Customer Data Platform), é possível potencializar a estratégia de upselling e cross selling multicanal por meio do cruzamento de dados coletados no ambiente online ou offline. Podemos comunicar ofertas especiais para os produtos ou serviços nos quais o cliente demonstrou interesse, mas que ainda não comprou. Outra opção é sugerir produtos complementares com base no histórico de compra. Os dados são grandes aliados para aumentar as vendas, oferecer uma experiência personalizada em todos os pontos de contato e fidelizar os clientes”, afirma a account manager da E-goi Digital Solutions.

*O Canaltech é parceiro de mídia da E-goi

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.