Maior rede de cinemas dos EUA agora aceita criptomoedas

Maior rede de cinemas dos EUA agora aceita criptomoedas

Por Roseli Andrion | Editado por Claudio Yuge | 06 de Outubro de 2021 às 22h20
AMC

De olho nos pagamentos com criptomoedas, a maior rede americana de cinema, a AMC Theatres, agora permite a compra de cartões-presente com dinheiro digital. A opção foi habilitada em parceria com a BitPay, que processa pagamentos em cripto. Adam Aron, CEO da companhia, diz que podem ser comprados cartões de até US$ 200 (R$ 1.098 na cotação atual).

Os clientes podem usar moedas virtuais, como o Bitcoin, diretamente no site e no app da empresa, bem como nas unidades físicas da marca. Uma das opções aceitas para a compra dos cartões-presente é a Dogecoin. Em uma enquete no Twitter, Aron perguntou se a AMC deveria incluir a moeda como opção para o pagamento de ingressos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A pesquisa apontou que a comunidade tem interesse que a Dogecoin faça parte da lista de criptomoedas aceitas. Aron, então, antecipou que a AMC pretende incluí-la como meio de pagamento. “Está claro que vocês aprovam a ideia. Agora, precisamos descobrir como fazer isso. Fiquem ligados”, disse ele.

Os planos da AMC em relação às criptomoedas foram divulgados, inicialmente, em agosto. A ideia era que a forma de pagamento estivesse disponível em 2022. Além do Bitcoin, outras criptos aceitas na compra dos ingressos serão a Dogecoin, a Ether, a Litecoin e o Bitcoin Cash.

A AMC não é a primeira a apostar em criptomoedas. No primeiro semestre de 2021, o Major Cineplex Group, a maior operadora de salas de cinema da Tailândia, lançou um piloto que permite que os clientes paguem seus ingressos com dinheiro digital. Essa movimentação pode ser o precedente para que outras redes de cinema ao redor do mundo incluam a opção em breve.

Fonte: Cointelegraph

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.