Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Big Data Analytics e compliance: como eliminar riscos e atuar com segurança?

Por| 10 de Abril de 2023 às 10h00

Link copiado!

Pixabay/Pexels
Pixabay/Pexels

Muitas empresas já ouviram falar sobre a importância de ter uma área responsável pelo controle e análise de dados, ao passo que eles fornecem insights valiosos para a tomada de decisões mais estratégicas, além de contribuírem diretamente para a prevenção de fraudes e outras ameaças potenciais.

No entanto, a coleta, o armazenamento e, por fim, a análise manual de grandes quantidades de informações ainda é complexa. Não à toa, atualmente, fala-se muito em cultura data driven, uma filosofia de gestão adotada por inúmeras empresas, a fim de transformarem os dados em informações cruciais para as tomadas de decisão.

Embora pareça novo, as práticas desse conceito já são conhecidas mundialmente e podem ser definidas como uma extensão da ciência de dados, realizada a partir das ferramentas com Inteligência Artificial (IA) e Machine Learning. Lembrando que uma gestão apoiada na cultura data driven, tende a conquistar inteligência de negócio, além de mais insumos e argumentos que justifiquem suas respectivas estratégias e processos, promovendo assim competitividade e crescimento consistente para a organização.

Continua após a publicidade

De acordo com um relatório realizado pela consultoria Frost & Sullivan, o mercado de Big Data deve chegar a US$ 8,5 bilhões em 2023 na América Latina. Ademais, o Brasil lidera essa corrida e corresponde a 46,7% das vendas totais. Não é para menos, de “mãos dadas”, Big Data e IA demonstram-se cada vez mais essenciais e, por isso, marcam presença na estratégia de empresas líderes.

Vale destacar que o Big Data Analytics envolve a captura, processamento e análise de grandes conjuntos de dados, conhecidos como "Big Data".

Provenientes de diversas fontes, como redes sociais, dispositivos móveis, sensores, transações comerciais etc, estes dados compreendem a utilização de algoritmos e ferramentas de software avançados, a fim de mapear padrões, tendências e informações ocultas que não seriam facilmente identificáveis em uma análise manual.

Mas como isso se relaciona com o compliance? Basicamente, o compliance possui o papel de detectar previamente ameaças e tomar ações estratégicas para evitar situações prejudiciais à empresa. Nesse sentido, com o auxílio de soluções que contam com Big Data Analytics, as organizações reduzem custos operacionais, agilizam processos e gerenciam vulnerabilidades, prevenindo assim de maneira mais eficiente alguns riscos, que podem inclusive custar a reputação e existência da marca.

Continua após a publicidade

Portanto, o uso de Big Data Analytics e compliance em conjunto pode ser benéfico em diversos setores, incluindo o financeiro, público, privado, entre outros. Afinal, esta prática é capaz de indicar o melhor caminho a seguir e as principais medidas a serem tomadas.