Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Tartarugas Até Lá Embaixo | O que esperar da adaptação do clássico de John Green

Por| Editado por Durval Ramos | 22 de Abril de 2024 às 19h05

Link copiado!

Divulgação/Max
Divulgação/Max

Tartarugas Até Lá Embaixo, filme baseado no romance de 2017 de John Green e que desde 2019 estava em produção, finalmente tem data para ser lançado. Dirigido por Hannah Marks, famosa por interpretar a Amanda Brotzman de Dirk Gently's Holistic Detective Agency, o título chega no próximo 2 de maio na Max, levando para a tela a história de Aza, uma garota que sofre de ansiedade e TOC.

Uma das obras mais conhecidas de John Green, autor de best-sellers como A Culpa é das Estrelas, Cidades de Papel e Quem é Você, Alasca? — todos eles com versões para o cinema ou para a TV —, o filme chega depois de muita espera dos fãs, já que a adaptação passou por uma série de adiamentos e atrasos

Continua após a publicidade

Inicialmente comprado pela Fox, o título foi posteriormente adquirido pela Disney devido à compra da 21st Century Fox, revertido para a Temple Hill algum tempo depois e finalmente repassado para a New Line Cinema, que apostou em seu potencial para o catálogo da Max.

Como protagonista do projeto, no papel de Aza Holmes, está ninguém menos do que Isabela Merced. A atriz que despontou no cinema com a adaptação de Dora, A Avenureira e recentemente embarcou no duvidoso Madame Teia é também uma velha conhecida dos fãs de John Green. Ela estrela Deixe a Neve Cair, outro clássico do autor adaptado para as telonas.

Protagonista é parcialmente inspirada em John Green

Assim como no livro, Tartarugas Até Lá Embaixo conta a história de Aza, uma adolescente de 16 anos que cursa o Ensino Médio e, além de todos os dramas típicos da juventude, sofre de ansiedade e transtorno obsessivo-compulsivo.

Ambientada em grande parte “dentro da cabeça da personagem”, a história mostra todos os anseios e dificuldades trazidos por esses transtornos mentais e como, no caso de Aza, essas obsessões fazem a jovem ter espirais de pensamentos intrusivos, imaginando como as bactérias, vírus e germes espalhados pelo ambiente podem a afetar.

Segundo John Green, a ideia de escrever Tartarugas Até Lá Embaixo e fazer de Aza sua protagonista partiu de sua própria experiência com o TOC, condição da qual ele sofre desde a infância. Na época do lançamento do livro, o autor falou bastante sobre o assunto em suas redes sociais, chegando a abrir para o público como era sua vida.

“Para mim, essas espirais de pensamentos obssessivos acontecem o tempo todo e podem durar dias, semanas ou meses. Eu posso do nada me preocupar que minha comida está contaminada ou envenenada e aí, de repente, essa é a única coisa em que consigo pensar. [...] E quando fico ruim, eu perco o controle dos meus pensamentos por um longo período de tempo, a ponto de não conseguir acompanhar o que está acontecendo em um programa de TV ou ler um livro”, disse em um vídeo no YouTube.
Continua após a publicidade

Assim como o escritor, no entanto, Aza conta com ajuda profissional e tenta levar uma vida normal, o que envolve ter momento divertidos com sua melhor amiga, Daisy Ramirez e se entregar ao primeiro amor com Davis Pickett, um amigo de infância que reencontrou na juventude.

Série da Max parece ser diferente do livro

Embora detalhes sobre a série da Max não tenham sido revelados em sua sinopse oficial ou no trailer divulgado pelo streaming, a produção escrita por Elizabeth Berger e Isaac Aptaker parece se afastar um pouco da história do livro.

Continua após a publicidade

Na trama de 2017, de olho em uma recompensa milionária, Aza e Daisy decidem investigar juntas o desaparecimento de um bilionário, o pai de Davis Pickett, o vizinho de quem elas se reaproximam. Até o momento, no entanto, a Max não sinalizou que esse plot também fará parte do longa-metragem, mostrando apenas a reaproximação de Aza e Davis no trailer e focando nas questões mentais e amorosas da personagem.

Além de Isabela Merced como protagonista, o filme da Max conta ainda com Cree Cicchino (Crescer É Muito Chato!) no papel de sua melhor amiga Daisy, Felix Mallard (Por Lugares Incríveis) como seu interesse amoroso Davis e Poorna Jagannathan (Eu Nunca...) como a psiquiatra que ajuda a personagem a lidar com sua doença.

Tartarugas Até Lá Embaixo chega dia 2 de maio na Max.