Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Divertida Mente 2 | Diretor explica história da sequência

Por| Editado por Durval Ramos | 04 de Dezembro de 2023 às 10h30

Link copiado!

Reprodução/Disney
Reprodução/Disney
Tudo sobre Walt Disney Company

Divertida Mente 2, sequência da famosa animação da Pixar que chega aos cinemas em 14 de junho de 2024, finalmente teve mais algumas informações reveladas sobre sua história e como veremos o retorno das emoções da menina Riley. Poucas semanas após a Walt Disney Company divulgar o primeiro trailer do longa, o diretor da animação, Kelsey Mann, deu mais detalhes do que os fãs podem esperar da aguardada continuação.

Em entrevista à Empire Magazine, Mann explicou que, assim como vimos no trailer, Riley está finalmente entrando na adolescência e, com isso, descobrindo experiências e sentimentos que fazem parte dessa fase da vida. Isso significa que muitas mudanças devem acontecer em sua sala de controle de emoções — embora seus antigos moradores não estejam esperando por isso.

Continua após a publicidade

A história de Divertida Mente 2 continua de onde o primeiro filme parou, quando Alegria, Tristeza, Raiva, Medo e Nojinho finalmente estão vivendo em harmonia. No entanto, as coisas saem de controle quando o botão da puberdade, instalado no primeiro longa, finalmente é ativado.

“No final do primeiro filme, você viu todos esses lindos espirais de memória, onde você tem Alegria e Tristeza na mesma memória, ou Raiva e Nojo. Eu queria abrir este filme com todos eles em sincronia e sentindo que formam uma grande equipe. Até a puberdade chegar.”

Com essa fase da vida ativada, é o momento então de Riley “receber” novas emoções, que chegam na sala de controle causando surpresa e confusão. E, como o trailer já antecipa, a entrada desses novos sentimentos vai virar a cabeça da garota de cabeça para baixo.

Continua após a publicidade

As novas emoções de Riley

No trailer de Divertida Mente 2 somos apresentados à Ansiedade, a primeira das novas emoções que chegam ao local. Dona de um visual bastante único, ela ganha seu próprio botão laranja e chega querendo causar uma boa impressão em seus novos colegas.

“Estou especialmente entusiasmado com a Ansiedade... Existem muitos tipos diferentes de ansiedade, mas estamos realmente inclinados para a ansiedade social, querendo nos encaixar e fazer parte de um grupo.”

A nova moradora, no entanto, não vem sozinha. Além dela, Riley também terá que aprender a lidar com o Tédio, Constrangimento e Inveja, emoções que logo começam a se instalar na sala de controle.

Continua após a publicidade

Uma escolha de personagens que, de acordo com o diretor, não é feita ao acaso, já que a ideia do filme é justamente abrir um diálogo com o público sobre os diferentes tipos de sentimentos e situações com os quais as crianças de hoje em dia têm de lidar.

"As crianças têm uma linguagem muito mais profunda de suas emoções do que eu quando criança... Acho isso fantástico. Precisamos conversar mais sobre isso. Espero que, com este filme, possamos realmente abrir a conversa.”
Continua após a publicidade

Segundo Mann, outras tramas para a continuação do filme chegaram a ser cogitadas. No entanto, a puberdade se mostrou “uma mina de ouro para a Pixar”, já que é uma fase da vida que mistura tudo aquilo que a empresa costuma abordar em seus filmes. Isso quer dizer que, embora seja um momento difícil, ela se conecta ao coração, à emoção e ao humor — uma quantidade significativa de material para se trabalhar.

Além disso, como já é tradição da empresa, Divertida Mente 2 parece ter tudo para estabelecer uma conexão profunda com seus telespectadores. Além de se aproximar do público infantil por sua trama imaginativa e colorida, ela também pretende tocar o coração dos adultos por “dizer algo significativo sobre nós mesmos como humanos".