Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Múmias com "língua de ouro" são encontradas no Egito

Por| Editado por Luciana Zaramela | 14 de Dezembro de 2021 às 10h53

Link copiado!

Egyptian Ministry of Tourism and Antiquities
Egyptian Ministry of Tourism and Antiquities

Ao analisar os restos mortais de três egípcios antigos, uma mulher, uma criança e um homem, arqueólogos descobriram uma característica curiosa: eles tinham na boca folhas de ouro em forma de língua. Os pesquisadores acreditam que essa tática seria para ajudá-los a ter contato com os deuses na vida após a morte.

Os arqueólogos descrevem ainda que uma das tumbas em que os restos foram encontrados havia sido saqueada por ladrões de túmulos, a que abrigava a mulher e uma criança de três anos. O sarcófago era de calcário e tinha formato de corpo feminino. Já o túmulo do homem, que pertencia à 26ª dinastia, estava intacto.

Continua após a publicidade

Esther Pons Mellado, co-diretora da missão arqueológica, diz que é raro encontrar uma tumba que esteja totalmente selada. As escavações foram feitas na cidade de Oxirrinco, no Alto Egito, que é conhecida por revelar centenas de milhares de papiros datados desde o século 3 a.C., até o século 7.

Esta é a segunda vez que línguas de ouro são encontradas em túmulos do antigo Egito. Em janeiro deste ano, o ministro do Turismo e Antiguidades anunciou a descoberta de uma múmia de dois mil anos com língua de ouro no sítio arqueológico Taposiris Magna, que fica na costa mediterrânea do Egito. Até então, os pesquisadores não descobriram as identidades dos três indivíduos, mas novas escavações serão feitas no local atrás de mais evidências importantes.

Fonte: LiveScienceOxirrinc