Carros da Tesla passam a acessar Netflix, YouTube, Spotify, jogos e até karaokê

Por Rafael Rodrigues da Silva | 27 de Setembro de 2019 às 18h50
Divulgação/Tesla
Tudo sobre

Tesla

Saiba tudo sobre Tesla

Ver mais

Na última quinta-feira (26), a Tesla liberou a versão 10.0 do sistema operacional de seus automóveis, e que é a maior atualização de software já disponibilizada pela empresa até agora. Agora, o software conta com suporte a diversas novas opções de entretenimento para deixar o tempo que você vai ficar parado no trânsito mais divertido.

Uma das adições do novo software é o Tesla Theater, que permitirá que os automóveis Model S, Model X e Model 3 consigam se conectar a aplicativos de vídeo como YouTube, Netflix e Hulu. Isso vale para usuários de praticamente todo o mundo - com exceção dos chineses, que terão acesso apenas ao iQyi e ao Tencent Video. Além disso, os donos de um Tesla poderão acessar o aplicativo para ver vídeos tutoriais sobre como o veículo funciona, o que deve facilitar muito a vida de novos proprietários.

Outra adição aos veículos da empresa é o Smart Summon, que finalmente introduz a alguns modelos da Tesla aquilo que as pessoas imaginam quando falamos de carros auto-pilotáveis. A função está disponível para todos os clientes que possuem veículos com piloto automático avançado (ou seja, do tipo que o carro consegue manobrar em um ambiente sem o auxílio de um motorista) e permitirá que o motorista peça para o carro sair do estacionamento sozinho e ir encontrá-lo onde quer que ele esteja - uma opção ótima para quem vai em shopping centers, supermercados ou outros lugares onde o veículo está estacionado longe da entrada do local.

Também há algumas novas opções para a reprodução de áudio nos veículos, como expandir a possibilidade de login de contas Spotify Premium no veículo para todos os países a marca atua. E, se você está na China, também poderá acessar o Ximalaya (um app para acessar podcasts e audiobooks). E, se você gosta de cantar enquanto dirige, os carros da Tesla agora possuem um aplicativo de karaokê, que possui uma biblioteca com centenas de músicas, letras e suporte para várias línguas.

Agora, se você gosta de jogar videogames e passar raiva (exatamente nessa ordem), a nova atualização dos carros Tesla vai te deixar feliz: isso porque ela permite que os ocupantes do automóvel possam jogar Cuphead, um dos mais populares jogos dos últimos anos e que segue a tradição de clássicas franquias de tiro em 2D como Contra e Gunstar Heroes.

O software 10.0 da Tesla também traz melhorias para o sistema de mapas, que passará a agrupar os resultados das buscas pela distância que o usuário está do local, e também permitirá que eles toquem em pontos de interesse que aparecem na tela do mapa para saber o nome do local, fazer uma ligação para ele ou iniciar uma rota. E, se você está afim de aventuras, a opção “I’m feeling lucky” irá criar uma rota para algum ponto turístico aleatório nas imediações, enquanto a opção “I’m feeling hungry” irá te sugerir algum restaurante ou lanchonete também de forma aleatória.

A nova versão do sistema também traz algumas melhorias relativas ao funcionamento do próprio sistema, como o fato de já agrupar em uma única pasta todas as gravações feitas do veículo enquanto ele está em Sentry Mode (e já apagar automaticamente a gravação mais antiga, caso você não tenha espaço em disco para salvar um novo arquivo). Entre outros recursos adicionados, também estão a possibilidade de diminuir o volume dos alertas na cabine do veículo (para não acordar um passageiro dormindo, por exemplo) e mais opções para o app Tesla para smartphones, como usá-lo como controle para a porta da garagem ou ligar o aquecedor do veículo de modo remoto para não precisar sofrer dentro do carro nos dias frios.

Outra vantagem do novo software é permitir que todos os Model 3 das séries Standard Range Plus ou Standard Range tenham acesso a streaming de mídias, permitindo o acesso a apps como Spotify, TuneIn e Slacker sempre que estiverem conectados a um sinal WiFi.

A versão 10.0 do software da Tesla já está disponível para todos os modelos da companhia desde a última quinta-feira (26). O download dele é feito automaticamente, assim que o veículo estiver conectado à internet.

Fonte: Tesla

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.