Esse cara usou um Model S, da Tesla, para minerar criptomoedas sem gastar nada

Por Redação | 01 de Dezembro de 2017 às 15h28

Minerar criptomoedas gasta uma quantidade considerável de energia elétrica. Estima-se que, atualmente, a mineração de moedas digitais já consome mais energia do que 20 países europeus juntos, mas um proprietário do veículo elétrico Model S, da Tesla, encontrou uma solução para fazer a mineração sem gastar nada, no melhor estilo do nosso "jeitinho brasileiro".

O moço, que é dos Estados Unidos, compartilhou a façanha em um grupo do Facebook voltado para proprietários de carros da Tesla. Ele decidiu montar um equipamento de mineração de criptomoedas no porta-malas do veículo, usando suas baterias para fazer o maquinário funcionar. E tudo sem gastar nada, pois a Tesla oferece o carregamento da bateria dos Model S gratuitamente em pontos espalhados pelo país. Sendo assim, na prática, quem está pagando a conta pela energia gasta durante a mineração é a própria montadora.

Mas, ainda assim, o processo todo não é lá muito lucrativo. Segundo estimativas, mesmo que o usuário deixe o motor de seu Model S ligado por 24 horas seguidas durante uma semana inteira, o valor obtido por meio dessa mineração não acaba cobrindo as parcelas da compra do veículo. De qualquer forma, a ideia foi lançada, e resta saber se a Tesla tomará alguma providência para evitar que os proprietários do Model S usem seus recursos energéticos para outros fins, que não sejam somente abastecer o veículo para que ele continue funcionando.

Fonte: TheNextWeb

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.