BlueCruise é resposta da Ford ao AutoPilot da Tesla; veja como funciona

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 18 de Abril de 2021 às 07h30
Ford

A Ford está passando por uma grande reformulação global, fechando fábricas e modificando portfólio, mas isso não quer dizer que ela não esteja mais investindo em novas tecnologias. A montadora segue firme em busca de novos sistemas de direção autônoma e já prepara novidades como o BlueCruise, que equipará o SUV elétrico Mustang Mach 1 e a nova picape full-size F-150.

O BlueCruise é uma ferramenta que ajudará o motorista e tornará os carros da Ford mais seguros. O sistema funciona com base em radares, sensores e câmeras capazes de controlar o automóvel com frenagens e esterçamento. Contudo, o diferencial está no recurso atrelado ao GPS, que marca "zonas azuis" em que o condutor poderá simplesmente largar mão do volante.

Outro ponto interessante do BlueCruise é que ele se certifica que o motorista está atento, mesmo sem controlar o carro necessariamente. Isso acontece porque a Ford decidiu colocar uma câmera interna que, para o caso de o condutor estar desatento, emite alarmes para a retomada do volante sem que haja problemas.

“O BlueCruise coloca a Ford no espaço emergente de direção em auto-estradas com um sistema que parece ter uma vantagem de preço sobre o Super Cruise da GM. Com o preço do BlueCruise tão acessível, haverá muito mais exposição do consumidor à verdadeira direção com as mãos livres. Em última análise, o BlueCruise, com seu preço acessível, poderia atuar como um catalisador para a adoção da tecnologia de acionamento autônomo para a qual tantos na indústria automobilística vêm trabalhando", disse Ed Kim, vice-presidente da analista de mercado AutoPacifica, ao Tom's Guide.

O preço citado por Kim é o da assinatura do BlueCruise, que será, de fato, bem acessível. O proprietário do Mustang Mach 1 ou da F-150 que quiser esse recurso terá que pagar US$ 600 numa assinatura trienal, sem contar o custo do pacote operacional, que vai de US$ 995 na picape, enquanto o SUV elétrico já o terá de série.

Fonte: Tom's Guide, Ford

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.