Publicidade

X não vai mais deixar ver a aba de curtidas de outra conta

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 23 de Maio de 2024 às 09h31

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Tudo sobre Twitter

O X (antigo Twitter) vai ocultar a aba de curtidas dos perfis na rede social — cada usuário ainda pode ver a própria lista de posts curtidos, mas não será possível ver o acervo de likes de outras contas. A novidade foi confirmada pelo diretor de engenharia da plataforma, Haofei Wang.

De acordo com Wang, os likes públicos “incentivam um comportamento inadequado” na rede, pois algumas pessoas não ficariam encorajadas para curtir conteúdos diferentes com receito de uma “retaliação de trolls” ou para “proteger a imagem pública”. O engenheiro ainda reforça que as curtidas ajudam a personalizar o algoritmo da aba Para Você e refinar as sugestões de posts. 

Outro engenheiro da rede social, Enrique Barragan trouxe mais detalhes sobre a mudança: você ainda pode ver quem curtiu suas publicações e a contagem de likes de um post específico, mas não poderá acessar a aba “Curtidas” no perfil de uma pessoa ou ver a lista completa de pessoas que gostaram de um conteúdo. 

Continua após a publicidade

A opção de ocultar os likes era restrita aos assinantes do X Premium, mas o ajuste deve afetar todas as contas na plataforma. A intenção é aumentar a privacidade dos usuários e seguir os moldes de outras redes: o Instagram não deixa os likes públicos, enquanto o TikTok permite escolher se você deseja mostrá-los ou não.

Apesar do anúncio, ainda não há uma previsão para a rede tirar o recurso do ar — é provável que o movimento aconteça gradativamente a partir das próximas semanas.

Ex-CEO do Twitter alfinetou decisão

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

O cofundador e ex-CEO do antigo Twitter, Jack Dorsey, não ficou muito satisfeito com a mudança. Em resposta ao post de Wang, ele perguntou qual seria a diferença entre uma curtida e uma publicação salva, reforçou que a rede adotava um ícone de estrela para favoritar tuítes e disse que “nunca deveria ter trocado” o símbolo por um coração.

O diretor de engenharia do X explicou que o autor do post consegue identificar quem curtiu o post, mas não sabe quem o salvou como favorito.

Vale lembrar que Jack Dorsey voltou a ser mais ativo na rede social após sair da diretoria do Bluesky, plataforma que ajudou a fundar.