WhatsApp deve aumentar limite de videoconferências para mais de quatro pessoas

WhatsApp deve aumentar limite de videoconferências para mais de quatro pessoas

Por Claudio Yuge | 16 de Abril de 2020 às 20h00
WhatsApp

A pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) causou um aumento expressivo das videoconferências, devido ao isolamento e às reuniões realizadas em home office ou com familiares e amigos. Embora o WhatsApp seja o mensageiro mais utilizado do mundo, com mais de 2 bilhões de usuários mensais, de acordo com os dados divulgados pela própria empresa em fevereiro, o app atualmente só permite chamadas de voz e vídeo entre quatro usuários. Contudo, isso deve mudar em breve.

De acordo com o WeBetaInfo, especializado em destrinchar os códigos do aplicativo em busca de novidades, a versão beta 2.20.128 para Android encontrada no programa de testes de software Google Play Beta Program contém algumas frases com indícios disso. “Muitas pessoas vêm usando uma versão antiga do WhatsApp”, “Para participar de chamadas com (variável) pessoas, todos os participantes precisarão da última versão do WhatsApp”, entre outras anotações semelhantes foram descobertas no conteúdo dos desenvolvedores. E isso também foi detectado na versão para iOS.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Como isso não constava nas linhas de programação do app, que desde 2018 oferece esse recurso, é bem provável que a companhia esteja próximo de lançar uma opção para seis ou mais pessoas, pois o limite seria em números pares, devido à divisão na tela. As orientações encontradas no software estariam atreladas a bugs encontrados em testes preliminares com um número limitado de usuários.

Por isso, é bem possível que o WhatsApp esteja corrigindo esses problemas antes de distribuí-lo. A ferramenta ampliada deve chegar tanto para o Android quanto para o iOS, contudo, ainda não há previsão de distribuição.

Fonte: WeBetaInfo  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.