Publicidade

Waze terá alerta para avisar sobre rodovias com alto índice de acidentes

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 29 de Dezembro de 2022 às 18h21

Link copiado!

Sean D/Unsplash. Montagem: Canaltech
Sean D/Unsplash. Montagem: Canaltech
Tudo sobre Waze

O Waze começou a testar um recurso para alertar o usuário sobre estradas com elevadas ocorrências de acidentes. Para chegar a essa conclusão, o app usará dados gerados pela própria comunidade.

A versão beta recente começa a exibir em vermelho no mapa as estradas consideradas de alto risco para trafegar. Um pequeno pop-up surgirá na tela para avisar sobre pistas perigosas nas redondezas, assim você pode evitar acessá-las.

Continua após a publicidade

Os agraciados com o teste recebem uma tela inicial que explica o funcionamento do recurso. Como a ferramenta é baseada no histórico de acidentes relatado na plataforma, portanto podem haver algumas lacunas, principalmente em estradas federais ou locais perigosos com pouco trânsito de veículos.

Infelizmente, não existe uma opção que mostre isso antes de começar o trajeto ou em percursos que a pessoa costuma fazer. Como está em desenvolvimento, sempre existe a possibilidade de os desenvolvedores implementarem mudanças antes do lançamento.

Avisos do Waze antes dos acidentes

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Quem preferir, poderá desativar a ferramenta nas configurações de alertas. A única interferência visual será a cor vermelha nas pistas, mas alguém pode se incomodar.

A novidade é interessante porque dará mais um motivo para replanejar uma rota. Talvez seja mais seguro atrasar em 10 minutos a chegada para transitar em uma via mais tranquila do que se arriscar em uma rodovia perigosa.

Por enquanto, esse recurso é exclusivo da versão beta do Waze e disponível para moradores de Israel. Não há previsão de quando será liberado para mais localidades.

Recentemente, o Waze ganhou um aplicativo dedicado para veículos da Renault. O programa permite acessar funções de navegação, orientação e mapas sem precisar de um celular conectado.

Continua após a publicidade

Fonte: Geektime