SAIU O RESULTADO DO SORTEIO DO PRÊMIO CANALTECH!CONFERIR
Publicidade

Google inicia testes com a Privacy Sandbox, sua proposta para publicidade online

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 31 de Março de 2022 às 17h51

Link copiado!

Benjamin Dada/Unsplash
Benjamin Dada/Unsplash
Tudo sobre Google

Nesta quinta (31) é iniciada uma nova fase nos testes das métricas de alcance e relevância de publicidade da Privacy Sandbox, do Google. Em atualização liberada hoje, testadores poderão experimentar as APIs Topics, FLEDGE e Attribution Reporting na versão mais recente do Chrome Canary.

Logo os usuários do Chrome Beta também terão acesso ao recurso, facilitando ainda mais o alcance das ferramentas de medição, tornando seus resultados e efeitos mais confiáveis. Assim que tudo estiver em ordem, o Google expandirá o teste para a versão estável do navegador, mas a empresa não deu previsão para isso.

Continua após a publicidade

A proposta Privacy Sandbox é composta por diferentes componentes, incluindo a API Topics (potencial substituta para os cookies) e a FLEDGE, uma ferramenta que otimiza o direcionamento de publicidade num nível mais generalizado, sem monitoramento individual.

Também no Chrome, foram adicionadas seções para controle de privacidade do lado do usuário. Testadores poderão entender melhor e ajustar os interesses atrelados a elas em relação à publicidade online, bem como o Google prometeu que seria possível quando apresentou as novas APIs.

Participação voluntária na Europa

Os testes da Privacy Sandbox serão iniciados de forma diferente dependendo da região — provavelmente, para se adequar aos padrões exigidos por autoridades locais. No Espaço Econômico Europeu, na Suíça e no Reino Unido, por exemplo, usuários serão convidados a participar do período experimental voluntariamente, não sendo adicionados no projeto por padrão.

Continua após a publicidade

De todo modo, em todo lugar, a participação será opcional. “Todos os usuários terão controle robusto [sobre a ferramenta] e poderão sair do período de testes a qualquer momento”, disse um porta-voz da companhia ao TechCrunch.

Será realmente privativo?

Quanto à eficiência da Privacy Sandbox na preservação de identidade, só o tempo (e feedback de usuários) será capaz de dizer. O objetivo da proposta, por si só, é desafiador: entregar publicidade aos usuários com maior interesse naquele conteúdo, disponibilizar métricas de alcance e conversão para os anunciantes, enquanto os hábitos dos usuários seguem protegidos.

Continua após a publicidade

“O Google não está interessado em lançar apenas estudos sobre o modelo, eles estão construindo uma infraestrutura, e essa é a parte desafiadora porque a web é um ecossistema complexo”, disse o pesquisador em privacidade digital e consultor, Lukasz Olejnik. “O anúncio também é uma evidência de que o Google aprendeu (da maneira mais difícil) a importância do controle do usuário em testes deste tipo”, complementou.

Fonte: Google, TechCrunch