Facebook vai permitir transmissões ao vivo de videochamadas do Messenger Rooms

Por Rubens Eishima | 23 de Julho de 2020 às 13h30
Facebook
Tudo sobre

Facebook

Saiba tudo sobre Facebook

Ver mais

O Facebook anunciou nesta quinta-feira (23) que usuários da rede social poderão iniciar transmissões ao vivo a partir de reuniões do Messenger Rooms. A novidade permite transformar uma videoconferência com até 50 participantes em uma live que pode ser acompanhada por muito mais pessoas.

A transmissão pode ser feita tanto em perfis pessoais, páginas de produto ou grupos do Facebook. A live pode ser iniciada pelo organizador da videochamada, que pode usar sua página para convidar espectadores.

O criador da sala tem controle sobre quem pode ver a transmissão, e os demais participantes são avisados antes do início da live, caso não queiram participar. Outra opção para os moderadores das salas no Rooms é poder convidar mais participantes para a conversa, além de poder expulsá-los também.

Rede social expande o serviço de videoconferências para se diferenciar de Zoom, Slack, Teams e Meet (imagem: Facebook)

Uma possibilidade que conseguimos imaginar para a nova ferramenta é realizar mesas redondas e painéis de discussão. Em tempos de pandemia do novo coronavírus, o recurso pode reunir em uma videoconferência alguns participantes, enquanto centenas de outras pessoas acompanham a conversa — um debate esportivo, comentário político ou até mesmo uma convenção como as de quadrinhos.

Segundo o Facebook, o recurso já está disponível em “alguns países”, apesar de não listado em quais. A empresa anunciou que em breve a novidade será oferecida em todas as regiões onde o Messenger Rooms já funciona, tanto nos aplicativos para celular da rede social e Messenger, quanto na versão web e no app de mensagens para computadores.

Fonte: Facebook  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.