App de busca do Google deve abandonar o uso de navegador embutido

App de busca do Google deve abandonar o uso de navegador embutido

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 07 de Julho de 2021 às 15h55
Brett Jordan/Unsplash

O Google repensou, mais uma vez, a implementação do navegador próprio para seu app de busca para Android. No mais novo capítulo da saga que é a adição deste recurso, a companhia decidiu reabilitar as guias personalizadas do Chrome para abrir páginas e apresentar resultados de pesquisa na versão de testes do aplicativo.

A primeira aparição do navegador próprio do app Google aconteceu em abril de 2020, seguindo o anúncio da companhia no final de 2019. Em julho do ano passado, ele saiu do ar na versão beta para aparecer de novo no mesmo mês. Desde então, o navegador embutido continuou disponível para todos que experimentavam o acesso antecipado.

Na manhã da última terça-feira (6), porém, ele foi novamente para a gaveta. O aplicativo voltou a utilizar as guias customizadas do Chrome para apresentar os resultados de pesquisa e abrir páginas exibidas no feed.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Guias personalizadas facilitavam a transição para o Chrome (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)

A diferença, na prática, está na exibição do conteúdo e na integração com o popular navegador. Quando o app Google opta pela aba personalizada, o usuário pode ir do buscador ao Chrome ao apertar no menu do canto superior direito. A transição preserva a página em seu atual estado (sem precisar carregá-la mais uma vez) e a posição em que estava, poupando o usuário de rolar até o ponto que interrompeu a leitura.

Quando o navegador próprio do buscador está ativo, a primeira coisa a se notar é o visual: a barra superior, normalmente reservada para o endereço, pode apresentar a logo do app. Além disso, enquanto o site de destino está sendo carregado, a barra colorida característica da companhia aparece para indicar o processo.

Navegador próprio do app de busca era uma alternativa com comportamento separado do navegador (Imagem: Reprodução/9to5Google)

Na parte inferior, o usuário conta com controles de paginação (voltar e avançar) ao lado do botão de compartilhar. Há, também, um menu que apresenta botão para recarregar o site, encontrar na página, traduzir, ouvir o conteúdo em texto em som, acessar as configurações do app e, por fim, abrir no navegador de preferência.

A ferramenta dedicada colabora com uma experiência inconsistente com aplicativos de terceiros e dificulta a vida de quem prefere utilizar o navegador convencional. Inclusive, não está clara a razão da retirada do recurso dessa vez, mas é possível que seja uma correção temporária para solucionar algum erro ou adicionar recursos.

Usuários da versão beta encontrarão as abas do Chrome de volta na compilação do app Google de número 12.26.

Fonte: 9to5Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.