App brasileiro lê rótulo de alimentos e diz quais ingredientes eles contêm

App brasileiro lê rótulo de alimentos e diz quais ingredientes eles contêm

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 30 de Abril de 2021 às 12h00
Divulgação/Loomos

Sabia que alguns tipos de amendoins industrializados contêm substâncias de origem animal? Ou que as margarinas, embora sejam classificadas como de origem vegetal, podem conter ingredientes evitados por veganos? Uma empresa de tecnologia promete facilitar a vida de quem tem algum tipo de restrição alimentar.

O Loomos é um programa para celular que usa a câmera para ler o rótulo das embalagens e descobrir se o produto contém glúten, lactose, corantes, aditivos, açúcares ou algo que possa causar mal a alérgicos e intolerantes. Ele também ajuda quem deseja evitar o consumo de alimentos com corantes, temperos prontos ou outras substâncias indesejadas.

App lê embalages e revela quais ingredientes um produto contêm (Imagem: Divulgação/Loomos)

A ideia surgiu a partir da necessidade dos dois empreendedores: Fabio Licks é intolerante à lactose e ao glúten e Rodrigo Busata é vegano. Encontrar produtos dentro das necessidades de ambos nunca foi tarefa fácil. Com o conhecimento da dupla no desenvolvimento de softwares, eles se juntaram para criar um app capaz de identificar ingredientes descritos nos produtos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Funcionamento do app

Ao abrir o programa, o usuário escolhe o seu perfil entre os sugeridos: alergia a determinadas substâncias (crustáceos, ovo, amendoim, glúten, leite ou açúcares), intolerância à lactose, oleoginosas, veganos, vegetarianos ou vida saudável.

Depois é só mirar a câmera para a embalagem de algum produto. O aplicativo entra em ação e procura na sua base de dados pelo nome de algum ingrediente proibido conforme o perfil selecionado. Isso é feito graças ao uso da tecnologia OCR (Optical Character Recognition), que identifica os escritos e permite a sua utilização também para receitas ou cardápios. 

“O que diferencia o Loomos de todos os demais aplicativos deste tipo é a capacidade de leitura das informações do rótulo, e não do código de barras", ressalta Licks.

Os criadores do app informam que o banco de dados do programa é composto por mais de 10 mil ingredientes catalogados e organizados em mais de 25 categorias distintas, agrupadas em dezenas de perfis alimentares. As informações contemplam os 17 tipos de alérgenos especificados pela Anvisa na legislação que regula a rotulagem de alimentos, como castanhas, látex natural, amêndoas e peixes. 

Segundo Licks, esse conjunto de dados é atualizado periodicamente por uma equipe de nutricionistas que catalogam novas substâncias. Daí o consumidor consegue saber qual o conteúdo e evita problemas de saúde decorrentes de uma ingestão indevida.

O Loomos (Android | iOS) possui uma versão gratuita e outra para assinantes. A paga libera diversas funcionalidades extras, como a possibilidade de personalizar os perfis de consumo, navegar pelo banco de ingredientes de cada perfil e ainda retirar as propagandas do app.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.