Microsoft libera primeiro beta da atualização 20H1 do Windows 10

Por Rafael Rodrigues da Silva | 19 de Agosto de 2019 às 22h00
Tudo sobre

Microsoft

Saiba tudo sobre Microsoft

Ver mais

Nesta segunda-feira (19), a Microsoft disponibilizou um beta da atualização do Windows 10 20H1 para os usuários que fazer parte do programa Windows Insider, que permite aos usuários o acesso antecipado às novidades do sistema operacional.

E novidades é o que não faltam nessa nova atualização, já que este primeiro beta traz diversas mudanças e novas ferramentas para o Windows 10. Então, vamos listar aqui algumas das principais que deverão chegar aos nossos computadores daqui a alguns meses, quando essa atualização for disponibilizada de modo oficial para todos os computadores compatíveis.

Temperatura da GPU no Gerenciador de Tarefas

Gráfico de temperatura aparece próximo ao gráfico de uso da GPU (Imagem: MSPowerUser)

Depois de muitos pedidos dos usuários, a Microsoft finalmente está trazendo para o Gerenciador de Tarefas uma janela onde será possível ver a temperatura da GPU. A função só estará disponível se você tiver uma placa de vídeo dedicada e utilizar um driver atualizado que use a versão 2.4 ou maior do WDDM, mas caso todos esses requisitos sejam atendidos será possível ver a temperatura da placa - em tempo real e mostrada e ºC - logo ao lado do monitor de performance.

Renomear as áreas de trabalho virtuais

Agora é possível renomear também as suas áreas de trabalho virtuais (GIF: MSPowerUser)

Outro pedido feito há tempos por usuários: a Microsoft finalmente está trazendo a possibilidade de se renomear suas áreas de trabalho virtuais, facilitando ainda mais para aqueles que utilizam a ferramenta como uma forma de dividir melhor o seu espaço de trabalho, ou já deixar tudo ajeitado para uma apresentação no trabalho ou na faculdade. Será possível utilizar qualquer tipo de caracteres para definir o nome da sua área de trabalho - até mesmo emojis! - e esses nomes não serão apagados quando o computador desligar, permitindo que os usuários possam ficar tranquilos com não perder a organização que criaram para suas máquinas.

Por enquanto, essa ferramenta ainda não está disponível para todos os membros do Windows Insider, mas a Microsoft já avisou que irá aos poucos liberar essa função para todos os que tiverem acesso ao beta nos próximos dias.

Melhoria na página de Recursos Opcionais

Mudanças permitem uma neavegação mais fácil pelo menu de recursos opcionais (Imagem: MSPowerUser)

Também baseado no feedback dos usuários, a Microsoft está fazendo diversas modificações na página de Recursos Opcionais do Windows 10 (que podem ser acessados pelo caminho Configurações > Aplicativos e Recursos > Recursos Opcionais). Com as mudanças, agora é possível instalar vários recursos simultaneamente (até então só é possível fazer a instalação de um de cada vez), dividir os recursos opcionais por nome, tamanho e data de instalação, opções que tornam a navegação pela página mais simples (como uma lista de todas as mudanças mais recentes diretamente na página principal de Recursos, ou a possibilidade de ver o histórico de mudanças em caixas de diálogo pop-up para não ser precisar sair da página) e uma maior quantidade de informações sobre cada recurso, como por exemplo quais programas dependem daquele recurso opcional para que você possa escolher desinstalar algum sem medo de afetar os programas que você usa.

Assim como a função anterior, essa também ainda não está disponível para todos os usuários que participarem do beta, mas a Microsoft já avisou que liberará aos poucos essa função para todos durante os próximos dias.

Configuração de velocidade do mouse

Agora é possível ajustar a velocidade do mouse pelo menu de configurações (Imagem: MSPowerUser) 

Outra pequena mudança trazida pela atualização é a possibilidade de se mudar a velocidade do mouse dentro do menu de Configurações, em mais um movimento que visa a aproximação das funções do Painel de Controle e do menu de Configurações.

Atualizações para o Bloco de Notas

Mais uma pequena mudança trazida pela atualização é no Bloco de Notas, que agora se torna um programa que pode se atualizado direto pela Windows Store. Assim, os desenvolvedores da Microsoft poderão solucionar problemas e trazer mais funções para o software de editor de texto sem precisar esperar a próxima atualização do Windows para disponibilizar novidades somente para este programa.

Mudar a foto de sua conta Microsoft

Até então, o Windows escolhia aleatoriamente uma foto sua para ficar cadastrada como sua imagem na conta Microsoft, e acontecia casos de o mesmo usuário ter 3 ou 4 fotos diferentes. A partir da próxima atualização, será possível definir manualmente essas imagens. A Microsoft já avisa que alguns serviços podem não atualizar a foto mostrada de imediato porque só atualizam suas bases de dados a cada 24h ou 48h, mas esses serviços serão atualizados para fazer essas mudanças em tempo real antes de a atualização ser lançada oficialmente.

Melhorias na busca do Windows

Nova busca do Windows 10 apresenta também resultados relacionados (Imagem: MSPowerUser)

A Microsoft também está fazendo algumas melhorias necessárias na busca do Windows, como no sistema de correção gramatical nas buscas por aplicativos, que fará com que o Windows consiga reconhecer o que você está procurando no computador mesmo que escreva o nome do programa de forma errada. Por enquanto, essa função só dá suporte à língua inglesa, mas é possível que ela funcione com o português quando a versão final for lançada daqui a alguns meses.

A atualização também traz algumas mudanças no modo como apresenta os resultados da busca, oferecendo uma opção de “relacionados” para caso o resultado principal não seja exatamente aquilo que você estava procurando. Essa opção por enquanto também está disponível apenas para aqueles que usam o Windows em inglês, mas deverá dar suporte a outras línguas quando do lançamento oficial.

Correções diversas

Entre as diversas correções feitas pela Microsoft para a nova atualização, destacam-se a de um problema com o status de conexão do Windows, que mostrava que não havia nenhuma conexão de rede Wi-Fi mesmo quando o usuário conseguia navegar normalmente; um problema que impactava a velocidade de digitação quando se utilizava um desktop remoto; um problema onde a busca local não retornava nenhum resultado caso o computador não estivesse conectado à internet; um problema que tornava a barra de tarefas invisível sempre que você abria o menu Iniciar e existisse uma atualização pendente para ser instalada; e um erro onde alguns usuários, ao utilizar o comando WIN+C, não conseguiam abrir a assistente virtual Cortana.

Também foi corrigido um erro que fazia com que o app de Calendários da Microsoft não sincronizasse com os calendários da iCloud; um erro que fazia com que, caso o usuário tivesse o menu de Configurações de Som aberto e utilizasse um botão físico no monitor ou no próprio PC para modificar o volume da máquina, essa modificação não seria acompanhada pelo slider do volume mestre do PC no menu de Configurações de Som; e um erro que fazia com que a Microsoft Store não mostrasse nenhum resultado na lista de Configurações Gráficas.

O beta da nova atualização do Windows já está disponível para todos os usuários que participam do programa Windows 10 Insiders, e pode ser instalado pelo próprio menu de atualizações do Windows 10.

Fonte: MSPowerUser

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.