Computex | Microsoft indica que está desenvolvendo Windows Lite

Por Felipe Ribeiro | 30 de Maio de 2019 às 11h22
Tudo sobre

Microsoft

Saiba tudo sobre Microsoft

Ver mais

A Microsoft ainda não confirmou oficialmente a existência do Windows Lite, mas soltou várias dicas bem interessantes sobre o futuro do seu sistema operacional. Nick Parker, vice-presidente corporativo de vendas de dispositivos e consumo da companhia, apareceu no palco da Computex para detalhar a visão da empresa para um novo SO moderno. Embora Parker não tenha revelado o Windows Lite propriamente, uma versão leve do Windows para dispositivos com tela dupla e Chromebook está, sim, sendo preparada pela gigante de Redmond. É isso o que diz uma publicação no blog especial da empresa que fora criado para o evento em Taiwan.

Esses novos dispositivos exigirão o que a Microsoft chama de "sistema operacional moderno", que inclui vários "facilitadores", como atualizações contínuas em segundo plano. A empresa sempre salientou que as atualizações do Windows foram aprimoradas ao longo dos anos, mas agora o buraco parece ser mais embaixo e a Microsoft agora promete que "as atualizações modernas do sistema operacional serão feitas de maneira invisível, em segundo plano, de maneira confiável e instantânea, sem interrupções". Sem interrupções e feitas em segundo plano parece muito diferente da experiência do Windows Update disponível no Windows 10 hoje, e parece muito mais semelhante ao Chrome OS.

Ainda de acordo com a companhia, esse "sistema operacional moderno" também é seguro por padrão, o que significa que ele e o computador são separados dos aplicativos, com tudo sendo acionado pela nuvem. A gigante de Redmond também quer que o software funcione com conectividade 5G e inclua uma variedade de entradas, como caneta, voz, toque e até mesmo olhar.

Nick Parker, vice-presidente de Vendas de Dispositivos e Consumidores, Roanne Sones, vice-presidente de Plataformas de SO, Rodney Clark, vice-presidente de Vendas de IoT, no palco da Computex 2019/ Imagem: Microsoft

Algumas dessas dicas em um sistema operacional moderno já poderiam se aplicar ao Windows como ele é hoje, mas a Microsoft também descreveu seu foco em “habilitar experiências conectadas à nuvem que usam o poder de computação para melhorar a experiência dos usuários em seus dispositivos”. Está claro que, independentemente do que a empresa esteja planejando para o Windows Lite, é fato que ele envolverá atualizações contínuas, melhorias de segurança, conectividade 5G, aplicativos na nuvem, novos fatores de forma e suporte de inteligência artificial.

Há rumores de que a Microsoft estava discutindo planos para dispositivos de tela dupla e o Windows Lite na conferência Build no início deste mês. Esses planos nunca se materializaram e parecia que faltavam informações futuras mais relevantes sobre o Windows no evento. Mesmo a próxima grande atualização do Windows 10, de codinome 19H2, está envolta em sigilo. Embora deva chegar em outubro, a Microsoft já começou a testar publicamente uma versão do Windows 10 que será entregue em 2020.

Os planos do Microsoft Windows Lite podem ter sido atrasados ​​pela decisão surpresa da empresa de mudar o navegador Edge para uma infraestrutura baseada no Chromium. Se o Windows Lite for mais baseado na nuvem e depender do navegador para muito mais experiências, uma mudança para o Chromium terá impactado nesse novo sistema operacional.

Por enquanto, a Microsoft está apenas disposta a deixar pistas sobre o que podemos esperar do futuro imediato do Windows.

Fonte: The Verge , Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.