5 Motivos 137 / 170 vídeos

5 motivos para você NÃO comprar o Moto E4

03:10 | 12 de Julho de 2017

Depois de passar uma geração distante do Brasil, o Moto E4 voltou e mostrou que aprendeu bastante enquanto esteve lá fora. O smartphone tem cara mais bonita, hardware que não é mais o super simples, mas também vem com algumas falhas que comprometem o sucesso da linha.

Estes são os cinco motivos para você deixar o Moto E4 na prateleira e escolher outro modelo.

Não é o mais baratinho da Motorola

O Moto E começou a vida como smartphone mais barato que a Motorola tinha em sua linha de produtos. Hoje ele não é mais este aparelho, custando mais e com novos recursos, o Moto E4 ocupa a linha de entrada nos intermediários e deve ficar por lá, já que o Moto C tem esta função.

Câmera sofre de noite

A qualidade de fotos em boas condições de luz é bacana para o aparelho, mas ele sofre bastante quando as fotos são noturnas. É exatamente o que acontecia com o Moto E, enquanto era o aparelho baratinho, mas ele evoluiu e encostou no G5. É justamente por isso que recebeu este ponto negativo. Com apenas R$ 100 extras no bolso, você leva uma câmera bem superior justamente nisso: fotos com baixa luz.

Moto ações com menos ações

Um dos recursos mais bacanas dos aparelhos da Motorola é o gesto para abrir a câmera. Girando o pulso, ela abre. Recentemente foi adicionado um gesto que liga a lanterna. Tudo bem incrível, mas que está fora do Moto E4. O único gesto que ele reconhece é de controlar os botões virtuais do Android com o leitor de impressões digitais, junto de diminuir a tela para controlar com apenas uma mão. Ponto final.

Vídeos em 720p

O Moto E4 chegou ao mercado com a capacidade de gravar vídeos em HD, apenas HD. Não seria um ponto negativo, se seus concorrentes não fizessem vídeos em Full HD. É um detalhe pequeno, mas que resulta em vídeos de qualidade inferior no Moto E4 e que faz com que outros smartphones brilhem mais. Bem mais.

Tela também em HD

Além da câmera, o Moto E4 trabalha com tela de 1280 x 720 pixels. É o suficiente para ótima qualidade de cores, mas perde para dois enormes concorrentes: Zenfone 3 Max e Quantum Muv Up. Os dois entregam displays Full HD. A diferença é pequena, mas o suficiente para exibir mais ruas no Google Maps ou Waze, quando você está no carro. Exibem mais, custando o mesmo ou menos que o E4.

Calma, calma que o Moto E4 também é um bom smartphone. Temos um vídeo com cinco motivos que fazem dele um ótimo investimento.