Como limpar a tela da TV sem causar estragos no display

Como limpar a tela da TV sem causar estragos no display

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 02 de Janeiro de 2022 às 10h00
Kitchn

É inevitável: em algum momento será necessário limpar a tela da televisão para retirar manchas, marcas de dedo, poeira, pelos de gato ou outras substâncias que podem atrapalhar a experiência uso. E como os painéis costumam ser compostos por materiais relativamente frágeis, é preciso tomar alguns cuidados importantes para evitar que o dispositivo seja danificado durante uma tarefa tão simples.

Pensando nisso, listamos algumas dicas úteis na hora de dar aquela geral na tela para assistir suas séries e filmes com maior conforto, sem se preocupar em estragar o painel no processo.

Produtos recomendados e o que evitar

Limpa-telas pode ser utilizado, mas possui álcool isopropílico que pode causar danos a longo prazo (Imagem: Shopee)

Em geral, é importante conferir as indicações para limpeza nos manuais de cada dispositivo, pois eles podem ser feitos com diferentes materiais que aceitam ou não a aplicação de diversas substâncias. Na maioria dos casos, as instruções podem ser localizadas no site oficial da montadora da televisão.

Como exemplo, a LG aponta que não devem ser utilizados produtos químicos como os tradicionais limpadores de telas ou lentes de óculos. A lista de materiais que devem permanecer longe dos painéis também inclui odorizadores, inseticidas, lubrificantes, cera, benzeno, álcool, entre outros.

Já a Samsung afirma que é possível utilizar os limpadores de tela, desde que eles não tenham como base químicos como acetona, álcool etílico, ácido etílico, amônia ou cloreto de metila.

Outras companhias como a Sony e Panasonic também apontam a possibilidade de utilização de sabonetes líquidos diluídos em água, desde que a aplicação aconteça diretamente no pano, que ainda deve ser torcido antes da limpeza para ficar apenas úmido, e não molhado.

Um produto bastante utilizado para a limpeza de diversos componentes eletrônicos é o álcool isopropílico (que é a substância base de muitos "limpa-telas"). Porém, a sua aplicação direta sobre telas de LED e LCD pode causar o ressecamento dos componentes internos em casos específicos, levando a televisão a oferecer desempenho mais fraco, ou até mesmo danificado a longo prazo — por isso, é importante não utilzar esses produtos em excesso, mesmo que não provoque grandes problemas caso aplicados ocasionalmente.

Como efetuar a limpeza

É preciso sempre usar pano macio e nunca aplicar líquidos diretamente ao display (Imagem: How Stuff Works)

Antes de se pensar em limpar uma televisão, é importante que ela não tenha sido utilizada recentemente. O funcionamento do produto pode causar aquecimentos internos normais, mas o contato de líquidos em superfícies que não estão na temperatura ambiente pode danificar componentes de forma irreversível.

Para a limpeza de telas como televisões e monitores, é muito importante a utilização de panos macios, em especial os de microfibra. Antes de encostá-lo no display, também é providencial checar se não há nenhuma poeira ou outras partículas grudadas que possam causar riscos ou outros danos — etiquetas também podem provocar os mesmos problemas, e portanto é recomendado retirá-las por completo, sem deixar rebarbas. Papel higiênico e produtos similares devem ser evitados, assim como panos mais velhos e em condições menos ideais.

A primeira limpeza deve ser feita com um pano seco, que deverá retirar pelo menos as impurezas mais superficiais. Em vários casos, somente essa etapa é suficiente para fazer com que a televisão fique em um estado aceitável, especialmente se o usuário manter hábitos que priorizem a higiene dos ambientes.

Mesmo que a sujeira seja mais persistente, não é recomendado aplicar pressão (Imagem: Reader's Digest)

Não se deve colocar nenhuma substância diretamente no painel, pois o líquido pode entrar em frestas e alcançar os componentes internos — além disso, a quantidade que entra em contato com a televisão no caso de uma aplicação direta dos líquidos costuma ser bem maior do que a limpeza necessita. Portanto, caso seja necessária uma limpeza mais extensa, basta molhar o pano e então torcê-lo até ficar somente úmido.

Mesmo que a sujeira seja mais profunda, é importante não fazer pressão enquanto passa o pano no display, pois movimentações físicas dos componentes também podem fazer com que os pixels parem de funcionar. Caso o painel não fique em uma condição satisfatória depois da primeira limpeza, é necessário aguardar até que o display fique completamente seco, e realizar nova tentativa.

Um erro muito cometido por vários usuários é usar o mesmo pano para limpar a tela e as outras partes da televisão. Essa ação também deve ser evitada pois o acúmulo de partículas físicas nos suportes de mesa ou na parte superior podem riscar o display. Por isso é bom recorrer a pelo menos dois pedaços de tecido.

O controle remoto também precisa de atenção, já que é um dos itens que mais acumula impurezas por estar em constante contato com a nossa pele. Para limpá-lo, basta passar um pano úmido suavemente pelas teclas, e caso a sujeira dos botões seja persistente, utensílios como cotonetes ou escovas de dente podem realizar um trabalho bastante efetivo.

Cuidados preventivos

É importante manter os ambientes limpos e livres de poeira (Imagem: Divulgação/LG)

Não há como evitar que a tela da televisão fique suja, mas é possível retardar a necessidade de uma limpeza. Para isso, é bom manter os ambientes limpos e com a mínima quantidade possível de poeira.

Caso alguma sujeira menor esteja visível no painel, é importante não usar os dedos para limpá-la, pois essa parte do corpo costuma ficar com muitas substâncias gordurosas que deixam marcas de digitais no display. Portanto, mesmo nas manutenções mais básicas, é necessário utilizar panos de microfibra.

Outras atitudes que podem aumentar a vida útil do display incluem manter objetos pontiagudos longe da tela, como facas, tesouras e outros. O transporte dos produtos também precisam acontecer com o máximo cuidado, de preferência com o uso de plástico bolha ou outro material que garanta a proteção contra choques físicos.

Com essas dicas simples, é possível realizar a limpeza de televisões ou outras telas de forma fácil e segura, e evitar maiores dores de cabeça relacionadas à manutenção desses dispositivos.

Fonte: LG, Samsung, BringIT

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.