Huawei e ZTE são banidas de fundo de infraestrutura em telefonia dos EUA

Por Wagner Wakka | 25 de Novembro de 2019 às 09h19
Divulgação

A Huawei e a ZTE estão oficialmente banidas de projetos financiados pelo Fundo de Serviços Universais (USF, na sigla em inglês) nos Estados Unidos. Em votação na última sexta-feira (22), o Federal Communications Commission (FCC), órgão que regula o setor de telecomunicações no país, votou de forma unânime pelo bloqueio da participação de ambas empresas.

O USF é um fundo voltado para investimentos de infraestrutura em telecomunicações no país. Com este banimento, basicamente a Huawei e a ZTE não podem mais serem pagas com subsídios do governo para investimentos existentes ou futuros de equipamentos nos Estados Unidos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O documento apresentado pelo órgão também informa uma nova movimentação do FCC de pedir a remoção de equipamentos de redes da Huawei e ZTE que já estão implementados.

Segundo o presidente do FCC, Ajit Pai, o banimento acontece por conta da “proximidade com governo comunista e aparato militar da China”. Ainda, há a preocupação de que tais empresas possam ser usadas para espionagem.

“Ambas companhias estão sob leis chinesas, que abertamente as obrigam a cooperar com qualquer pedido dos serviços de inteligência do país [a China] e manter este pedido em segredo. Ambas companhias já se envolveram em condutas como roubo de propriedade intelectual, suborno e corrupção”, informou Pai na decisão.

As mudanças passam a valer já na publicação da decisão no Federal Register, o Diário Oficial do governo norte-americano.

Fundo

O USF é responsável por investimentos em subsídios de US$ 8,5 bilhões, resgatados de taxas de contas de telefones. Dentro dele, há uma série de programas, como o investimento para infraestrutura das zonas rurais, descontos para pessoas de baixa renda e investimentos para projetos escolares e de pesquisa.

Um dos principais problemas para o país é que regiões de zonas rurais são geralmente alimentadas com infraestrutura da Huawei e ZTE. Dessa forma, o banimento das duas empresas poderia deixar uma série de usuários sem serviço. O FCC já prometeu apresentar um plano para amparar este grupo.

A medida também deve atrapalhar pequenas companhias de telefonia e provedores de internet, que também trabalham com equipamentos da Huawei e ZTE. Por conta disso, o FCC está pedido que tais provedores informem os potenciais custos envolvidos na mudança de equipamento.

O FCC também ainda está investigando o possível banimento de outras empresas.

Fonte: FCC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.