Siga o @canaltech no instagram

Apple começa a vender novos iPads Air e Mini no Brasil por até R$ 6.799

Por Thaís Augusto | 23 de Abril de 2019 às 19h30
Divulgação
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

Os novos iPads Air e Mini começaram a ser vendidos aqui no Brasil nesta terça-feira (23) no site oficial da Apple. O tablet mais simples da marca tem preço a partir de R$ 3.449; já o modelo Air mais barato custa R$ 4.499. Se quiser comprar agora, o consumidor precisará adquirir o iPad pelo site ou loja oficial da marca. Até sexta-feira (26), a promessa é de que os tablets cheguem a lojas físicas de varejistas parceiras.

O iPad Air está disponível nas cores prateado, cinza-espacial e dourado. O produto pode ser adquirido com 64 GB ou 256 GB de armazenamento interno. Na hora da compra, é importante ficar atento: uma das versões do aparelho se conecta apenas ao WiFi, sem possibilidade de usar a conectividade 4G.

Novo iPad Air começa a ser vendido no Brasil. Imagem: Divulgação / Apple

Se optar pela versão do iPad Air com mais armazenamento e com mais opções de conectividade, o consumidor paga R$ 6.799. O seguro Apple Care pode ser ativado no final da compra por mais R$ 499. Já o novo iPad Mini chega nas mesmas opções de cores e de armazenamento interno do modelo Air. Em sua versão mais cara, o dispositivo sai por R$ 5.799.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Tanto o iPad Mini quanto o Air foram homologados na semana passada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). O processo permite que os produtos possam ser comercializado no país. Já os novos AirPods, fones de ouvido sem fio de segunda geração, começarão a ser vendidos no Brasil em maio.

Melhorias

A Apple revelou em março a sua nova geração de iPads Air e Mini. Os novos modelos chegaram com as novas tecnologias de processadores da marca, telas Retinas e, no caso do irmão menor da família de tablets, suporte à Apple Pencil de primeira geração, algo que pode agradar aos amantes do desenho e das artes visuais que buscavam um produto de tamanho reduzido.

O iPad Mini, que não recebia atualizações desde 2015, está de volta com tela de 7,9 polegadas e chip A12 Bionic, o mais recente da Apple, com a Neural Engine. A promessa é de uma performance três vezes maior que a do antecessor e nove vezes superior quando o assunto são as tarefas gráficas.

iPad Mini chega com suporte à Apple Pencil. Imagem: Divulgação / Apple

A tela Retina promete um brilho 25% maior que nos antecessores e a maior densidade de pixels já vista em toda a família iPad. Além da Pencil, o modelo também tem suporte ao Smart Keyboard, se tornando mais um dos membros da atual empreitada da Apple, que vem atacando o mercado de notebooks apostando na versatilidade de seus tablets ao serem usados com periféricos compatíveis.

Já o iPad Air chega com tela de 10,5 polegadas e as mesmas características do caçula, incluindo o chip A12 Bionic, a tecnologia True Tone no display, Neural Engine e suporte à Pencil. Como estamos falando de um aparelho que teve atualização mais recentemente, em 2017, as melhorias são um pouco mais modestas do que no Mini, mas ainda robustas.

A nova geração do Air promete uma melhoria de 70% na performance em relação ao antecessor e dobrar a capacidade gráfica. Além disso, a densidade de pixels é 20% maior, com o suporte ao teclado oficial, mais uma vez, o tornando uma boa ideia para quem quiser investir também em mobilidade.

Novidades semelhantes nas câmeras aparecem nos dois modelos, com os dispositivos aparecendo com sensor traseiro de 8 megapixels e frontal de 7 megapixels. Ao contrário do que os rumores apontavam, entretanto, eles ainda retêm o formato tradicional da linha de tablets, com botão físico e sensor TouchID. Ainda não foi desta vez que o notch e o reconhecimento facial assumiram o comando aqui, permitindo que o display tomasse conta de toda a parte da frente do aparelho.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.