Rumor: iPad com tela de 12 polegadas chega às lojas entre abril e junho de 2015

Por Redação | 01 de Dezembro de 2014 às 10h37

Mais rumores sobre o possível lançamento de um iPad mais potente e com tela maior foram publicados neste final de semana pela revista japonesa Mac Fan. A publicação, que já acertou alguns palpites sobre produtos da Apple antes mesmo deles serem anunciados, fala agora sobre o tal iPad Pro, que também poderia ser chamado de iPad Air Plus, com uma possível tela de 12,2 polegadas e processador A9.

Com lançamento marcado para acontecer entre os meses de abril de junho do ano que vem, o equipamento seria não apenas o tablet de maior tamanho já lançado pela Maçã, mas também o mais poderoso. As mudanças no display também viriam acompanhadas de um upgrade nas configurações internas para privilegiar ainda mais o uso de funções de mídia e jogos, cujo público-alvo seria o grande foco da Maçã com o suposto lançamento.

Embora aparentemente o design seja semelhante ao iPad Air 2, o Pro virá com algumas mudanças sutis. Se os rumores forem verdadeiros, o aparelho deve ter duas caixas de som a mais, uma na parte de cima e outra embaixo do dispositivo, de forma a dar mais fidelidade sonora. Nas dimensões, porém, permanece o desenho fino, com apenas 0,7 cm de espessura, 30,5 cm de altura e 22 cm de comprimento.

O lançamento de um produto fora da janela tradicional seria uma novidade para a Apple, mas faria sentido já que o aparelho viria para atender a uma necessidade específica de certos usuários. Sendo assim, a expectativa é que inicialmente o gadget seja disponibilizado em quantidades limitadas e não haja nenhum tipo de descontinuação dos modelos antigos.

iPad Mini 2

Apesar dos indícios de que o lançamento pode ocorrer no primeiro semestre do ano que vem, a publicação ressalta que analistas de mercado ligados a fontes na indústria chinesa, por exemplo, garantem que o iPad Pro pode entrar em fabricação apenas no segundo semestre de 2015, encaixando-se no cronograma normal de lançamentos da companhia, com novos tablets que chegam ao mercado sempre no fim do ano.

Ao que tudo indica, essa decisão estaria relacionada ao foco da Maçã sobre o iPhone 6 e seu modelo Plus, que vem apresentando alta demanda por parte dos usuários. Após problemas não confirmados de produção, mas que parecem ser reais devido ao esgotamento e escassez de aparelhos em algumas lojas ao redor do mundo, a empresa de Cupertino estaria a fim de normalizar toda a produção e, principalmente, lidar com os problemas que alguns de seus usuários vêm enfrentando antes de pensar em novas revoluções em seus nichos de mercado.

A Apple, como sempre, não se pronunciou sobre nada disso. A empresa mantém sua política normal de não comentar rumores e fazer anúncios de novos produtos apenas por meio de eventos oficiais.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.