Bradesco anuncia terceiro inovaBra e novo fundo de investimento em startups

Por Redação | 16 de Novembro de 2016 às 19h02

O Bradesco anunciou novidades que vão interessar àqueles que estão empreendendo ou planejando empreender no mercado financeiro. Junto com grandes líderes do universo das startups, o banco anunciou a terceira edição do inovaBra — seu programa de inovação aberta em busca de novos empreendedores na área.

Dentre as empresas inscritas, 40 serão selecionadas para passar uma semana de imersão no banco, e destas, apenas 20 serão aprovadas para a fase final, na qual apresentarão seus pitches para a diretoria do Bradesco. Os 10 melhores pitches serão o passaporte para a terceira edição do inovaBra.

O banco está interessado em soluções facilitadoras, como meios de pagamento, canais digitais, ideias para a área de seguros, soluções para a Agência do Futuro e serviços para PMEs. “Também avaliamos se a empresa já tem um protótipo do produto, o modelo de negócio que o empreendedor está propondo e a própria equipe fundadora da startup”, esclarece Marcelo Frontini, diretor do departamento de Pesquisa e Inovação do Bradesco.

Serão até R$ 150 mil desembolsados pelo banco para cada participante, a fim de gerar capital para as novas empresas, em áreas como suporte, marketing e adaptações nos sistemas. As selecionadas ficarão sob o guarda-chuva do Bradesco por oito meses — contados a partir do ingresso no programa até a aplicação da solução nos serviços bancários da instituição.

Aliás, outra novidade foi anunciada pelo banco: o inovaBra Ventures, o braço de venture capital da sua plataforma de inovação. Inclusive, o fundo já está negociando com duas startups para anunciar seus primeiros investimentos. O capital total do inovaBra é de R$ 100 milhões, sendo que a ideia é gerar um ticket de investimento de R$ 1 milhão a R$ 5 milhões.

Assim como o inovaBra, o braço de capital também prioriza soluções em serviços financeiros, principalmente as que têm potencial de alavancar os negócios do Bradesco e reduzir os custos operacionais atuais. A prioridade, claro, vai para as startups que já fazem parte do inovaBra.

Os interessados podem inscrever suas startups até dia 4 de dezembro, pelo site oficial do inovaBra.

Fonte: InovaBra; via Startupi

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.