Currents é anunciado como sucessor corporativo do Google+ e chega em julho

Por Alberto Rocha | 07 de Junho de 2020 às 12h30
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

A Google tem muitos êxitos em sua história, mas também coleciona alguns insucessos, talvez o mais conhecido seja o Google+. A rede social foi desativada para os usuários comuns em abril do ano passado, porém não por completo, já que permanece ativa até os dias de hoje para perfis corporativos.

Eis que, através de e-mail enviado para administradores de contas empresariais do G Suite, na última sexta-feira (5), a gigante das buscas anunciou a extinção completa da finada rede social, anunciando que a versão estável do Currents, substituto corporativo do Google+, estará disponível até 6 de julho de 2020.

Currents é o sucessor corporativo do falecido Google+ (Reprodução: Android Police)

Concorrência para o Slack e Microsoft Teams

O lançamento do Currents chega no momento em que plataformas de comunicação corporativa como o Slack e Microsoft Teams tem crescido em virtude da adoção forçada do home office por várias empresas em virtude do período de isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Mesmo que algumas coisas lembrem bastante a finada rede social, como a timeline composta por cards organizados em ordem cronológica ou por relevância incluindo textos, imagens, vídeos ou links nas postagens, as novidades estão focadas no ambiente empresarial.

Além de toda a integração com as soluções do G Suite, entre as apostas para enfrentar os concorrentes estão ferramentas voltadas para anúncios, análises de postagem, help desk e discussões focadas em tópicos, por exemplo. Vale ressaltar que, com a transferência, todos os links do Google Plus serão redirecionados para o Currents, assim como as postagens, comentários, curtidas e seguidores existentes.

Toda a migração será feita de forma automática e a única mudança necessária, caso você ainda tenha o aplicativo do Google+ instalado no seu Android ou iOS, será desinstalar o mesmo e trocá-lo pelo Currents.

Fonte: Android Community

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.