Mi Band 5 vs Galaxy Fit 2: qual smartband vale mais a pena?

Por Felipe Junqueira | 17 de Outubro de 2020 às 20h30
Montagem/Divulgação Samsung e Xiaomi
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Mi Band 5

Ficha técnica

A Xiaomi anunciou oficialmente no Brasil a quinta geração de sua Mi Smart Band no final de julho, e cerca de dois meses depois foi a vez da Samsung trazer a segunda geração da Galaxy Fit. Logo de cara, dá para perceber que as pulseiras possuem semelhanças, o que deixa o usuário na dúvida: qual é melhor levar?

O Canaltech faz uma comparação das características e funções oferecidas por cada pulseira para ajudar quem está em dúvida. Veja abaixo as semelhanças e diferenças entre as duas smartbands para escolher a melhor para você.

Design e especificações

Visualmente, dá para notar as diferenças entre os dois dispositivos, mas também fica claro que eles possuem muitas semelhanças. Ambas trazem uma caixa com tela OLED de 1,1 polegada fixada a uma pulseira flexível, sendo que a Mi Band 5 tem o fecho fixo, bastando inserir um pino em um dos furos para fechar, enquanto a Galaxy Fit 2 é levemente diferente, com um ajuste flexível de plástico.

Mi Band 5, da Xiaomi (Imagem: Canaltech)

Outra diferença é que a caixa da Mi Band 5 é removível, o que permite ao usuário trocar a pulseira como e quando quiser. A da Fit 2, não, e é bastante difícil fazer uma troca no caso de a pulseira quebrar ou algo assim.

As dimensões também são quase as mesmas, de 46,95 × 18,15 × 12,45 mm na pulseira da Xiaomi e 46,6 x 18,6 x 11,1 mm na da Samsung, com 11,9 g e 21 g, respectivamente.

Ambas possuem resistência à água de 5 ATM, o que significa possibilidade de uso para nado e suporte para até 50 m embaixo d’água. O Bluetooth da Mi Band 5 está na versão 5.0, enquanto a Galaxy Fit 2 já tem uma versão um pouco mais atual, a 5.1. Outra vantagem da pulseira da Samsung é que ela tem 32 MB de armazenamento 16 MB da concorrente da Xiaomi.

Bateria e recarga

A Mi Smart Band 5 tem bateria com capacidade de 125 mAh, e dura aproximadamente 14 dias, segundo a fabricante. A Galaxy Fit 2, por sua vez, possui 159 mAh de carga e pode durar cerca de 15 dias em uso constante, ou até 21 dias em “baixo uso”, de acordo com a Samsung.

A recarga é mais ou menos igual nos dois modelos, via cabo USB que se encaixa na parte traseira da caixa. No caso da Mi Band 5, a conexão com a pulseira é magnética, ao passo que no modelo da Samsung há um encaixe para garantir que os pinos do carregador entrem em contato com o mecanismo de recarga.

Recursos e sensores

Mais uma semelhança está nos sensores, que incluem um óptico de batimentos cardíacos, acelerômetro e giroscópio. Ou seja, ambas as pulseiras podem monitorar a pulsação, e fazem isso 24 horas por dia. E isso abre algumas possibilidades, como o monitoramento do sono e estresse.

Galaxy Fit 2, da Samsung (Imagem: Divulgação/Samsung)

Com relação às atividades físicas, a Mi Band 5 reconhece até 11 modos esportivos profissionais, mas só consegue monitorar automaticamente dois: corrida e caminhada. A Galaxy Fit 2 reconhece cinco atividades por conta própria e faz um relatório após 10 minutos de prática, com até 90 treinos esportivos ativados manualmente.

Também dá para receber notificações do celular na telinha e controlar músicas. E aí entram algumas diferenças, como a possibilidade de monitorar o ciclo menstrual das mulheres, tirar fotos e gravar vídeos mesmo estando longe do celular na pulseira da Xiaomi, e lembretes para lavar as mãos na da Samsung, além de respostas rápidas para algumas notificações.

Mi Band 5 vs Galaxy Fit 2: qual escolher?

Tirando alguns detalhes, as duas pulseiras são bastante semelhantes, mesmo em uma análise mais profunda. A menos que algum dos recursos citados seja realmente essencial para você, o que se pode recomendar é: opte por aquela que se encaixar melhor no seu ecossistema, ou seja, se tiver um celular da Xiaomi, vá de Mi Band 5; se seu smartphone for um Samsung, prefira a Galaxy Fit 2.

Com relação aos preços, temos oficialmente R$ 525 pela Mi Band 5 e R$ 380 na Galaxy Fit 2. No varejo, é mais fácil encontrar o modelo da Xiaomi a preço bem mais em conta, por volta de R$ 250, porém sem garantia da fabricante, ficando à disposição somente os três meses da loja, obrigatórios por lei.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Mi Band 5

  • Americanas
    Xiaomi Mi Band 5 Versão Global - Pulseira Preta
    R$ 193,52
  • Atacadão Digital*
    SmartBand Xiaomi Mi Band 5 Bluetooth
    R$ 235,20
  • RH Informática*
    Smartband Monitor Cardíaco Xiaomi Mi Band 5 Preto
    R$ 239,90