Apple Watch Series 6 vs Series 5: o que muda no novo relógio da Maçã?

Por Felipe Junqueira | 15 de Setembro de 2020 às 18h20
Divulgação/Apple
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Apple Watch Series 5

Ficha técnica

Uma nova geração do Apple Watch foi anunciada nesta terça-feira (15), em um evento online realizado pela empresa. O Series 6 chega com aparentemente pouca novidade quando comparado à geração anterior, o Series 5, sendo que o grande destaque é o monitoramento de oxigênio no sangue.

Veja nos próximos parágrafos todas as diferenças entre os dois modelos para entender se vale a pena trocar o seu Series 5 pela nova geração, ou mesmo se você perde muito se quiser economizar um pouco e pegar o modelo do ano passado em vez de ir atrás do mais recente.

Apple Watch Series 6 vs Series 5: design e tela

Design do Series 6 não mudou, mas há novas cores (Imagem: Divulgação/Apple)

Nada muda em design no novo relógio da Maçã. Há várias opções de acabamento da caixa, cada uma com um preço inicial, e novas pulseiras que são compatíveis com a Series 5. De novo, mesmo, só as cores azul e vermelho, disponíveis na caixa de alumínio.

A tela também muda pouco: apenas o recurso Tela Retina Sempre Ativa ficou com brilho cerca de 2,5 vezes mais forte, o que melhora a visibilidade em ambientes bastante iluminados. De resto, mesmos recursos e mesmo tamanho do display, que a Apple se resume a anunciar como 30% maior que o Series 3, sem especificar as polegadas.

Apple Watch Series 6 vs Series 5: desempenho e bateria

O novo chip S6 do relógio da Maçã pode ser até 20% mais veloz que o S5 presente no Series 5, mas aparentemente não trouxe junto maior economia de energia nem nada do tipo. Na geração passada, a Apple falava em até 18 horas de autonomia, valor que se mantém no novo modelo.

Portanto, apesar de ser mais rápido, o novo relógio ainda não consegue ficar mais de um dia inteiro longe da tomada.

Apple Watch Series 6 vs Series 5: recursos e monitoramento

Leitura de oxigênio no sangue leva 15 segundos (Imagem: Divulgação/Apple)

O Watch Series 5 trouxe bem pouca novidade em relação a seu antecessor. O eletrocardiograma já estava presente no Series 4, bem como a detecção de queda. A novidade foi a Tela Reina Sempre Ativa.

No modelo de 2020, a Apple incluiu tudo o que já existe no Series 5 e antecessores, e adicionou o monitoramento de oxigênio no sangue, o novo recurso mais importante trazido a um relógio da Apple desde a detecção de queda. O novo altímetro sempre ativo também é um extra com relação ao antecessor.

De resto, algumas novidades provavelmente serão compartilhadas com modelos anteriores quando o watchOS 7 for liberado, incluindo as novas watchfaces e monitoramento de sono e dança.

Apple Watch Series 6 vs Series 5: preço

Atualmente, você já pode encontrar o Apple Watch Series 5 por preços que partem de R$ 3.250 no varejo online nacional. O Series 6 vai chegar aqui com valor sugerido que parte de R$ 5.299. São pelo menos R$ 2.000 a mais para investir no novo modelo, que não tem tantos novos recursos como mostramos.

Apple Watch Series 6 vs Series 5: vale a pena o upgrade?

Tela Retina Sempre Ativa tem brilho 2,5 vezes maior no novo modelo (Imagem: Divulgação/Apple)

A menos que você faça questão absoluta da medição do nível de oxigênio no sangue, não há muito motivo para optar pelo novo relógio da Apple em detrimento da geração anterior, que ainda por cima está mais barata. O desempenho melhorou, mas não é nada de outro mundo, e mesmo quem tem um Series 4 ou Series 3 ainda está bem servido no que diz respeito a recursos e performance.

O Series 5 inaugurou a Tela Retina Sempre Ativa e aumentou a capacidade para 32 GB — ou seja, já foi um upgrade pequeno em comparação com os anteriores. Já o modelo 2020, o Series 6, tem um recurso essencial para pessoas com problemas respiratórios e até mesmo para o momento atual, já que a COVID-19 tem como um dos sintomas a falta de ar, e detectar falta de oxigenação preventivamente pode evitar o entubamento e até salvar vidas. Não é pouco, mas não chega a ser um recurso sem o qual é impossível viver.

Ainda mais porque há monitores de saturação de oxigênio mais precisos que podem ser comprados em farmácias a preços em torno de R$ 200. Ou seja, se você já tem um Apple Watch, não há motivo para trocá-lo ainda. Claro, se você tem como repassar o modelo antigo para abater parte da compra do novo, talvez até compense, mas talvez o mais ideal seja esperar mais um ano para fazer um upgrade maior.

Evento de terça-feira (15) da Apple apresentou o novo Watch Series 6, com poucas mudanças comparado ao modelo do ano passado; entenda se os novos recursos e melhorias são suficientes para justificar uma troca

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Ofertas Apple Watch Series 5

  • RH Informática*
    Smartwatch Apple Watch Series 5 40mm GPS Cinza Espacial
    R$ 3.099,89
  • RH Informática*
    Smartwatch Apple Watch Series 5 44mm Silver GPS
    R$ 3.299,89
  • Carrefour-
    Apple Watch Series 5 (Gps) - 40Mm - Caixa Prateada De Alumínio Com Pulseira Esportiva Branca
    R$ 3.369,00