Samsung vendeu mais de 800 mil unidades do Galaxy Gear

Por Redação | 19.11.2013 às 14:20
photo_camera Divulgação

Apesar de receber críticas não muito positivas da maioria dos usuários e veículos de comunicação, o relógio inteligente Galaxy Gear vendeu mais de 800 mil unidades desde que foi lançado, em setembro deste ano. As informações são da Reuters.

Em nota oficial, a Samsung afirma que as vendas do smartwatch superaram suas expectativas, fazendo com que a empresa planeje uma série de novas ações para aumentar o número de aparelhos comercializados até o final de 2013. A fabricante tem investido em propagandas e campanhas para alavancar o uso do dispositivo, que teve um lançamento tumultuado. Boa parte dos compradores disse que o gadget não possui recursos suficientes para justificar seu preço e funcionalidades – nos Estados Unidos, ele custa cerca de US$ 300.

O comunicado da Samsung vem para derrubar os rumores de que o Galaxy Gear teria sido "um fracasso". O site Business Korea soltou uma nota dizendo que o smartwatch da companhia teria vendido apenas 50 mil unidades nos últimos dois meses. O número está correto, mas diz respeito apenas à Coreia do Sul. "É o relógio inteligente mais vendido do momento, e vamos expandir sua disponibilidade incluindo suporte para que outros aparelhos funcionem com o dispositivo", revelou a Samgung.

Comprado ou não por muitas pessoas, fato é que nem mesmo o Galaxy Gear conseguiu escapar dos hackers, que já criaram diversas modificações para o relógio. Uma delas é a "Null", uma ROM customizada do aparelho que roda Android com o aplicativo de personalização Nova Launcher. Usuários que fizerem o download do programa poderão realizar buscas na internet e também instalar apps de terceiros, além de contar com suporte para papéis de parede, gravações em vídeo de 60 segundos e sincronização via Bluetooth.

O tópico original sobre a Null foi publicado no fórum XDA e, até o momento, não foi reportado nenhum problema com a instalação da ROM – lembrando sempre que é por conta e risco do usuário fazer a instalação desses sistemas. Clique aqui para acessar.