Xiaomi vai adotar rede 5G dupla a partir do Redmi K30

Por Felipe Junqueira | 02 de Dezembro de 2019 às 20h00
Divulgação
Tudo sobre

Xiaomi

Saiba tudo sobre Xiaomi

Ver mais

O co-fundador da Xiaomi, Lin Bin, anunciou nesta segunda-feira, 2, que todos os smartphones da companhia, partindo do Redmi K30, usarão dupla banda do 5G, com suporte tanto à rede SA quanto à NSA.

Nas palavras do próprio executivo na rede social Weibo, “a partir do Redmi K30, nossos celulares 5G todos vão suportar a rede 5G NSA e SA”. Este será o primeiro aparelho da subsidiária da Xiaomi com suporte à nova tecnologia de dados móveis, e deve ser anunciado no próximo dia 10, junto com outros aparelhos, sendo Pocophone 2 um dos possíveis modelos, além do Mi Mix 4.

Os rumores apontam que a série Redmi K30, sucessora do K20, que globalmente ficou conhecida como Mi 9T, contará com câmera frontal dupla em um furo na tela, mais ou menos como o Galaxy S10 Plus. De acordo com o diretor geral da marca Redmi, a solução do furo na tela está madura, por isso a empresa vai adotá-la.

Ver essa foto no Instagram

Which one will you choose? #Xiaomi #Redmi #Poco

Uma publicação compartilhada por Xiaomiui Global (@xiaomiuiglobal) em

Diferenças nas redes

Basicamente, a rede NSA é uma espécie de estágio inicial da implementação do 5G, enquanto a SA já é a etapa final, com velocidade máxima e a menor latência. A vantagem dos dispositivos com rede dupla é que funcionarão tanto em países que estão começando a construir a rede 5G como nos que essa tecnologia já está consolidada.

Fonte: GizChina

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.