Rumor | Samsung poderá reviver linha Active de smartphones em 2019

Por Se Hyeon Oh | 31 de Julho de 2019 às 22h40

Aos amantes de smartphones diferenciados, eis aqui uma boa notícia. De acordo com um vazamento do Android Headlines, a Samsung estaria planejando trazer de volta a linha Active, que conta com uma leva de dispositivos mais resistentes e robustos. O novo smartphone seria chamado simplesmente de Samsung Galaxy Active e, diferentemente de seus antecessores, que possuíam numerações em seus nomes por terem sido baseados nos carros-chefe de seus respectivos anos, a novidade não contará com essa numeração.

Assim, fica claro que o Galaxy Active não será baseado nos Galaxy S10, Galaxy S10 Plus ou Galaxy S10e — informação essa que parece se confirmar através da imagem do suposto produto, onde é possível observar três botões físicos localizados logo abaixo da tela. Curiosamente, a renderização vazada parece idêntica a um dispositivo que estava no Mobile World Congress deste ano.

Renderização do Galaxy Active vazado (Imagem: Android Headlines)

As especificações vazadas incluem uma tela de 5,2 polegadas com resolução de 2.540 x 1.440, uma câmera frontal de 8 MP e câmera traseira de 12.2 MP, além de um sensor de impressão digital localizado na parte traseira. O conjunto seria alimentado por um processador Exynos 9610 e uma bateria de 4.500 mAh, rodando o Android 8.1 Oreo.

Há rumores de que o suposto Samsung Galaxy Active possa ser uma versão adaptada do Galaxy S9 Active, que foi cancelado no passado. Caso isso seja verdade, é provável que os sensores das câmeras possam ter sido herdados do Galaxy S9. Todavia, eles não irão entregar resultados tão satisfatórios quanto os do S9 por contarem com o processador Exynos 9610, que foi projetado para smartphones intermediários.

Ainda de acordo com o Android Headlines, a AT&T estará comercializando o dispositivo nos EUA, dando continuidade à “tradição” da operadora, que teve em seu catálago desde o Galaxy S4 Active até o Galaxy S8 Active. Considerando que o novo Galaxy Active seria projetado para ser usado por um público bastante específico, tais como os bombeiros e a polícia, que passam por estresses físicos e por condições adversas ao longo de sua jornada no trabalho, é pouco provável que esse produto receba uma ação de marketing para promovê-lo ao público em geral.

Fonte: Android AuthorityAndroid Headlines

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.