Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

O que fazer quando o celular cai na água | Guia Prático

Por| Editado por Wallace Moté | 07 de Abril de 2023 às 13h00

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/ Canaltech
Ivo Meneghel Jr/ Canaltech

Infelizmente alguns acidentes acontecem, e estamos todos sujeitos a isso. Como o celular é um dispositivo pequeno, é fácil deixar ele cair numa poça, na privada ou na piscina, o que em aparelhos com certificação IP de resistência não costuma ser um problema, mas em muitos casos pode ser. Com isso em mente, saiba agora o que fazer quando o celular cai na água.

Atualmente os smartphones são peça fundamental do nosso dia a dia, centralizando nossas finanças, comunicação com familiares e amigos, entretenimento, lazer e até mesmo produtividade. Portanto, é comum vermos situações em que o eletrônico está em nossa mão e, ao escorregar, acabar caindo na água, seja uma piscina, banheiro, poça de água ou pia da cozinha. Ou seja, água suja, água doce ou até mesmo água salgada, como do mar.

A água pode causar um curto-circuito no seu dispositivo, mesmo que não tenha sido exposto a uma grande quantidade do líquido. Isso pode ocorrer mesmo em smartphones que tenham resistência IP67 ou IP68, por exemplo, visto que a certificação não garante vedação total contra água, mas sim resistência. Com isso, pode existir, sim, a chance de entrar água dentro do celular, sendo muito comum a entrada na câmera do aparelho — e existem algumas soluções que podem ajudar a secar a lente do seu dispositivo.

Continua após a publicidade

Geralmente, em modelos com IP68, um dos problemas relacionados à água está no conector USB do aparelho, que pode oxidar, ou então no seu alto-falante, que pode começar a ter um som metalizado.

Para essas situações, existem alguns aplicativos ou então vídeos no YouTube que forçam o alto-falante a emitir determinada frequência de som, que ajuda a expulsar as gotas que estiverem ali. Por outro lado, se passou muito tempo com o celular molhado, ou então se ele não tiver proteção, a boa notícia é que existem pequenas soluções caseiras para secar o aparelho — mas o ideal mesmo é você levá-lo a uma assistência técnica o quanto antes.

Como tirar água do celular?

Deixar o telefone por muito tempo molhado é perigoso, ainda mais se estiver ligado nesse período. Por isso, o ideal é deixar o celular desligado logo após o acidente.

Depois disso, caso seu celular tenha bateria removível, tire-a, e então seque ele por inteiro com um pano. Agora, existem soluções que permitem tirar a água de dentro dele, com a mais segura sendo usar sílica, que tenta absorver a umidade o máximo possível.

Agora, se essa não for uma possibilidade, outra um pouco menos segura é a de colocá-lo dentro de um pote de arroz. Alguns especialistas dizem que o pó do grão de arroz pode entrar no aparelho e inchar por conta da absorção da água. Ainda assim, é uma possibilidade, mas deve-se ficar atento. Preferencialmente, o ideal é colocar o celular em um recipiente com sílica ou o arroz por cerca de 24 horas.

Por outro lado, se essas soluções não funcionarem, o certo é mandá-lo diretamente a uma assistência autorizada para a realização de um reparo. Porém, é importante salientar que esse serviço será feito fora da garantia, visto que nenhuma marca cobre dano causado por líquido — mesmo modelos que contam com certificação IP de proteção.